Família faz campanha para trazer corpo de brasileiro morto em Portugal

salvador
21.05.2019, 20:39:00
Atualizado: 23.05.2019, 11:04:26

Família faz campanha para trazer corpo de brasileiro morto em Portugal

Marlon Melo foi atacado à facadas na cidade de Setúbal em Portugal

A família do brasileiro Marlon Melo Sampaio, 39 anos, está buscando ajuda para trazer o corpo de volta ao Brasil. Marlon morava em Portugal havia cinco anos e foi morto a facadas na madrugada de quarta-feira (15) depois de uma discussão em uma hamburgueria na cidade de Setúbal.

A família realiza uma arrecadação para conseguir reunir os recursos necessários e trazer o corpo de Marlon para o Brasil.  

Cartaz da campanha para arrecadar recursos (Foto: Reprodução)

A vítima se envolveu em uma discussão para defender um amigo que teria se desentendido com o dono da hamburgueria Chapa Quente, local onde aconteceu o crime. “O amigo dele foi ferido na mão com uma faca menor. O Marlon deve ter ido entender o que aconteceu e a coisa acabou virando para ele”, conta uma tia de Marlon que pediu para não ser identificada. Segundo a imprensa portuguesa, o crime foi cometido por outro brasileiro de nome Christian Pimentel.

A família tem se mobilizado e, segundo a tia, já chegaram a acionar o Itamaraty em busca de apoio, sem sucesso. Procurado, o Ministério das Relações Exteriores ainda não respondeu à solicitação do CORREIO.

Já o Consulado Geral de Portugal em Salvador informou que “é competente para acompanhar matérias do âmbito estritamente consular relativas à sua jurisdição consular no Brasil, que se circunscreve aos estados da Bahia e Sergipe”. O caso, portanto, não seria de sua competência.

Diante da situação, a família resolveu se mobilizar. “Há custos que não podemos arcar. Entretanto, quando a gente pensa nos pais lá tentando e lutando para trazê-lo, o coração fala mais alto”, diz texto postado pela prima de Marlon, Bruna Sampaio, em uma rede social.

Os pais de Marlon, segundo informações da própria família, estão voltando de Portugal nesta terça-feira (21). “A última postagem dele nas redes sociais era elogiando o lugar, dizendo que lá os brasileiros se sentiam acolhidos. Nós estamos tentando entender”, conta a tia.

O suspeito do crime está detido. Segundo a tia da vítima, depois de cometer o crime ele esperou a chegada da polícia.

* Com supervisão do chefe de reportagem Jorge Gauthier


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/antes-de-jogar-carro-contra-caminhao-pai-manda-filho-gravar-video-adeus-mae/
Garoto e o pai, que não aceitava fim de casamento, morreram na batida
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/morre-em-sp-o-cantor-portugues-roberto-leal-aos-67-anos/
O cantor vinha há dois anos tratando um câncer de pele, e teve complicações na última semana
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/toquinho-ivan-lins-e-mpb4-comemoram-50-anos-de-musica/
Artistas trazem a Salvador show que está há 4 anos na estrada e no qual cantam seus grandes sucessos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/teago-oliveira-se-prepara-para-lancar-o-primeiro-album-solo/
Vocalista da banda Maglore é o convidado da coluna Meu Domingo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/torcedores-do-vitoria-arrecadam-latas-de-sardinha-apos-milho-na-fonte-nova/
Revanche para milho derramado na Fonte Nova antes do jogo do Vitória veio também em forma de provocação
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/antes-de-jogo-do-vitoria-dezenas-de-quilos-de-milho-sao-despejados-no-entorno-da-fonte-nova/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/famosa-por-covers-de-amy-clariana-lanca-primeiro-ep-com-musicas-autorais/
Cantora baiana apresenta 'Pra Sentir', com três faixas inéditas; confira
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/enganado-nigeriano-que-aparece-em-video-do-governo-bolsonaro-e-alvo-de-racismo/
'Fiquei mal, não consegui sair de casa', relata professor que vive em Salvador
Ler Mais