'Fechei minha fabriquinha', revela Angélica ao afirmar não pode mais engravidar

entretenimento
08.01.2018, 11:29:11
Atualizado: 08.01.2018, 11:36:32

'Fechei minha fabriquinha', revela Angélica ao afirmar não pode mais engravidar

Em conversa com Ivete Sangalo, ela contou que ligou as trompas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A apresentadora Angélica revelou que não pode mais ter filhos. Ela explicou que fez ligadura das trompas. "Liguei. Estou ligadona", contou em uma conversa com a cantora Ivete Sangalo, grávida e a poucos meses de dar à luz duas meninas. A entrevista foi divulgada no programa Estrelas, na edição deste sábado, dia 6. 

"Sou muito apaixonada (pela gravidez) como você, Ivete. Quanto estava grávida (de Eva, de 5 anos), pensei que se não ligasse ia querer engravidar de novo", disse Angélica. 

A apresentadora e a cantora conversavam sobre as sensações de carregar um bebê na barriga e a vontade de ter muitos filhos. Ivete Sangalo disse que já pensou em ter seis filhos e confessou que considera engravidar novamente.

Faustão
A apresentadora esteve ao lado do marido e também apresentador Luciano Huck no Domingão do Faustão neste domingo, 7. Eles participaram da estreia do quadro Divã do Faustão.

Além da questão política e social, o casal falou abertamente sobre questões íntimas. O público perguntou aos dois se eles se dão "vale night", e Angélica foi categórica: "Eu hein!".

Ambos defenderam a confiança entre si. Em outro questionamento da plateia, o casal respondeu o que faz para manter "a pimenta" no casamento, que já tem 14 anos. "Tem que ter um mistério, uma fantasia, tem que se cuidar para o outro", sugeriu a apresentadora.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas