Fifa adia novo Mundial de Clubes, que seria realizado em 2021

esportes
17.03.2020, 13:53:56
Atualizado: 17.03.2020, 14:12:37
(Foto: Fifa/Divulgação)

Fifa adia novo Mundial de Clubes, que seria realizado em 2021

Transferidas para o ano que vem por pandemia do novo coronavírus, Eurocopa e Copa América chocariam com datas da competição de times

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Fifa confirmou nesta terça-feira (17), oficialmente, o adiamento do novo Mundial de Clubes, que estrearia em meados de 2021, na China. A medida foi tomada por causa das transferências da Copa América e da Eurocopa, que seriam realizadas em 2020 e, por causa da pandemia do novo coronavírus, migraram para o ano que vem. 

"O mundo está enfrentando um desafio de saúde sem precedentes e claramente se exige uma resposta global e coletiva. Cooperação, respeito mútuo e compreensão precisam ser os princípios em mente para todos os líderes nesse momento crucial", afirmou o presidente da Fifa, Gianni Infantino, em nota.

Uma das sedes do novo Mundial de Clubes, segundo a Federação Chinesa de Futebol, era justamente Wuhan, onde surgiram os primeiros relatos do novo coronavírus. A competição também passaria por Xangai, Tianjin, Guangzhou, Shenyang, Ji'nan, Hangzhou e Dalian. A Fifa deve anunciar em breve a nova data para o torneio. 

O Mundial estava marcado para acontecer entre 17 de junho e 4 de julho de 2021, com um novo formato de 24 clubes. Até agora, o Flamengo era o único confirmado, por ter vencido a Libertadores de 2019.

Cada confederação deve definir os critérios de escolha dos representantes. Por enquanto, a ideia era que fossem oito times da Europa, seis da América do Sul e as demais vagas para os outros continentes. O campeonato substituiria a versão atual de sete equipes (campeões de cada continente mais um representante do país-sede) e seria disputado a cada quatro anos - no modelo de atualmente, o Mundial é anual.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas