Filmes sobre Suzane Von Richthofen, com Carla Diaz, estreiam na Amazon Prime

entretenimento
19.08.2021, 16:46:00
Atualizado: 19.08.2021, 16:47:26
Os longas A Menina Que Matou os Pais e O Menino Que Matou Meus Pais são dirigidos por Maurício Eça (divulgação)

Filmes sobre Suzane Von Richthofen, com Carla Diaz, estreiam na Amazon Prime

Longas são narrados pelo ponto de vista do casal assassino e entram no serviço de streaming no dia 24 de setembro

Os filmes A Menina Que Matou os Pais e O Menino Que Matou Meus Pais estreiam dia 24 de setembro no Amazon Prime Video, exibidos em mais de 240 países. Os dois longas contam a história real do casal Suzane Von Richthofen (Carla Diaz) e Daniel Cravinhos (Leonardo Bittencourt), que assassinaram os pais da jovem.

Para contar detalhes do crime que chocou o país, os roteiristas Illana Casoy e Raphael Montes usaram informações contidas nos autos do processo, que levou à condenação do casal pela morte dos pais de Suzane. Um dos filmes é narrado pelo ponto de vista de Suzane e outro por Daniel.

Em 2002, Suzane confessou ter planejado o assassinato dos pais com ajuda do namorado Daniel e do cunhado Christian Cravinhos, na casa da família no Brooklin, zona sul de São Paulo. Os pais não queriam o namoro e exigiam a separação. No filme, são mostrados o caso e possíveis motivos do casal para cometer essa atrocidade.

Com direção de Mauricio Eça, o filme tem no elenco Leonardo Medeiros e Vera Zimmermann interpretando os pais de Suzane. Também participam do longa os atores , Allan Souza Lima, Kauan Ceglio, Augusto Madeira, Debora Duboc.

Veja o trailer:

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas