Fim de espera: assista ao Fashion Film do Afro Fashion Day 2020

entretenimento
21.11.2020, 00:20:00
Atualizado: 21.11.2020, 00:55:23
O dendê serviu como inspiração para o Afro Fashion Day (Foto: Tiago Caldas)

Fim de espera: assista ao Fashion Film do Afro Fashion Day 2020

Sexta edição do projeto teve como ponto alto curta-metragem gravado em Salvador

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A sexta edição do Afro Fashion Day não teve o calor das ruas, não teve os gritos de maravilhoso, diva e lacrou. Situação que parecia improvável há um ano, a pandemia impôs esse distanciamento, mas nem por isso a passarela mais preta do Brasil foi menos criativa.

O povo preto vive na base da resistência e da reinvenção. E foi esse o tom da apresentação do Fashion Film do Afro Fashion Day 2020: sem a passarela a céu aberto, o evento se reinventou e teve como  ponto alto um curta-metragem apresentado nessa sexta (20), Dia de Consciência Negra, com transmissão ao vivo no site e nas redes sociais do CORREIO. 

Quem não assistiu ao vivo pode ficar tranquilo porque o Fashion Film foi publicado nas redes e ficará por lá, gratuito, para quem quiser ver e sentir a potência dos 31 modelos que participaram desta edição, levando o dendê como tema em suas roupas e acessórios.

Um desses modelos foi Alesi Falcão, que deu entrevista no evento de lançamento junto ao seu ‘descobridor’, o scouter Vivaldo Marques, e sua colega de profissão: Sophia Laura, que aos 16 anos já é modelo internacional. Alesi trabalhava como pescador em Salinas da Margarida quando foi descoberto por Vivaldo, que prontamente o colocou dentro do AFD. 

Durante os cinco anos e seis edições de projeto, 367 modelos passaram pelo Afro, que contou com a colaboração de 243 coleções de marcas e, na edição de 2019, chegou a colocar 104 modelos desfilando na passarela montada no Terreiro de Jesus.

Em 2020, o casting foi bem menor, com 31 modelos. O número foi reduzido por conta da pandemia, mas trouxe muitos talentos como Alesi Falcão: rapaz que era pescador em Salinas das Margaridas e foi descoberto pelo scouter Vivaldo Marques, que prontamente levou o talento para as gravações do AFD.

"Aconteceu o que eu não imaginava. Não imaginava essa explosão, carinho nas ruas, gente me pedindo para tirar foto. Eu estou amando o AFD, está sendo meu melhor momento. Estou amando de verdade", disse Alesi.

Agente do modelo, Vivaldo Marques é referência na busca por talentos e afirmou que a personalidade do profissional é responsável por 70% do estalo que o faz identificar um talento. Foi essa personalidade que o fez encontrar Thalia Neres, 17, uma das vencedoras da seletiva realizada no Tik Tok para o evento.

“A personalidade de uma modelo grita muito. A atitude e personalidade são muito importantes. É um jogo, um cálculo que eu faço. Falando assim parece que são 3h de relógio, mas estamos acostumados a olhar as pessoas com um olhar técnico, então é questão de segundos, 15% é a oportunidade, 15% é a beleza e os outros 70% vêm da personalidade para um modelo ingressar no mercado nacional e internacional”, disse.
 

Os modelos Alesi Falcão e Sophia Laura, além do scouter Vivaldo Marques falaram sobre seus trabalhos no lançamento do Fashion Film 


Editora do estúdio CORREIO, Gabriela Cruz conta que pensar no Tik Tok como ferramenta para a seletiva deste ano foi um processo tocado em conjunto por ela, o produtor de moda Fagner Bispo e toda a equipe de produção do evento. 

"Já chegamos a ter 996 pessoas inscritas para uma seletiva. Desta vez, Fagner, Vanessa e eu pensamos em lançar o Challenge e fazer a seleção pelo Tik Tok porque estaríamos na rede social que mais crssceu neste ano e somos inovadores. Fazia todo o sentido", disse Gabriela. 

Expectativa 

Quem comprou o CORREIO no Dia da Consciência Negra levou também um copo personalizado com o tema do Afro Fashion Day 2020: o dendê. Os copos nas cores vermelha, amarela e laranja rapidamente esgotaram em vários pontos da capital baiana, como na banca Arts Leitura, que fica no bairro do Stiep.  

O copo trazia junto um QR Code que deu acesso antecipado à estrela da noite: o Fashion Film. Com direção de Renan Benevides, o filme foi gravado em cinco pontos da capital baiana: Parque São Bartolomeu (Plataforma), São Tomé de Paripe, Candeal, Rio Vermelho e Gamboa.

O Afro Fashion Day tem curadoria e produção de moda de Fagner Bispo, beleza de Dino Neto e Romário Aragão e tranças de Graziele Teles. O Fashion Film leva assinatura do videomaker Renan Benedito, do fotógrafao  Edgar Azevedo e do Dj  Mauro Telefunksoul, responsável pela trilha sonora. 

A produção emocionou a equipe do evento e do jornal CORREIO que conseguiu marcar presença no lançamento. Caso de Jorge Gauthier, coordenador de ações digitais do veículo: “Eu assisti ao fashion film 3 vezes para fazer a produção do lançamento. Só que vendo agora eu senti que estava lá no Terreiro de Jesus, sentado, vendo a emoção das pessoas”, disse, referindo-se ao espaço que abrigou a edição no ano passado. 

O programa de lançamento digital  reuniu 5.239 pessoas ao vivo nas redes sociais do CORREIO durante os 60 minutos que ficou no ar. No total, já foram 7,5 mil visualizações no programa. Nas três primeiras horas após o lançamento,  o Fashion Film já foi visto por 12 mil pessoas no YouTube, Facebook e Instagram.

Transformar vidas, despertar emoções e celebrar o povo negro. Tudo isso resume bem o que é o Afro Fashion Day. Sendo você, não perderia tempo e iria  conferir. Confira neste link como foi o evento de lançamento e assista ao Fashion Film completo logo abaixo.

*Com colaboração do repórter Wendel de Novais

O Afro Fashion Day é um projeto do jornal Correio com patrocínio do Hapvida, parceria do Sebrae, apoio do Shopping Barra, Lagares e Drogaria São Paulo e apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas