Final da Libertadores entre Fla e River será no dia 23 em Lima

esportes
05.11.2019, 19:40:00
Atualizado: 05.11.2019, 20:03:56
(Foto: Reprodução)

Final da Libertadores entre Fla e River será no dia 23 em Lima

Antes marcada para acontecer em Santiago, a partida acontecerá no Peru

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A sede da final da Libertadores está oficialmente mudada. Antes marcada para acontecer no Estádio Nacional de Santiago, no Chile, a decisão do torneio rolará no Monumental de Lima, no Peru. A nova sede tem capacidade para cerca de 80 mil pessoas e é a casa do Universitario de Lima. A data está mantida: 23 de novembro.

A decisão foi tomada em uma reunião, nesta terça-feira (5), que durou seis horas. Participaram os presidentes do Flamengo, Rodolfo Landim, e do River Plate, Rodolfo D'Onofrio, além dos presidentes da CBF, Rogério Caboclo, e da AFA (Associação do Futebol Argentino), Claudio Tapia.

A mudança veio por conta da forte crise e onda de protestos que já assolam o Chile há três semanas e resultaram em mais de 20 mortes. Dois encontros de chefes de Estado que aconteceriam no país em novembro e dezembro já tinham sido cancelados e o campeonato local, paralisado. Além disso, uma 'supermanifestação' tinha sido marcada, em Santiago, no mesmo dia da final, 23 de novembro.

Durante a reunião, foi cogitada a mudança da data para o dia 30, mas foi negada. Outras possíveis sedes também foram ventiladas, como Assunção, no Paraguai - onde será a decisão da Copa Sul-Americana, neste sábado (9), entre Colón e Inependiente del Valle - e Medellín e Bogotá, na Colômbia.

Também pensou-se em Montevidéu, no Uruguai, mas o presidente da AUF (Associação Uruguaia de Futebol), Ignacio Alonso, descartou a possibilidade já que, no dia 24, o país realizará o segundo turno das eleições presidenciais.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas