Fiuk diz que não ganha mesada de Fábio Jr.: 'Pago minhas contas'

entretenimento
05.05.2021, 16:00:00
(TV Globo/divulgação)

Fiuk diz que não ganha mesada de Fábio Jr.: 'Pago minhas contas'

Ator e cantor rebateu boato que seu pai teria se irritado com declação sobre falta de grana; Fiuk ficou em terceiro lugar no reality

Fiuk viveu até o último minuto da viagem mais louca de sua vida. Segundo ele, o BBB21 representou para "uma forma de poder se ver e se aceitar como é". Em coletiva de imprensa online realizada nesta quarta-feira (5), ele contou que se exaltou um pouco em seu discurso da final sobre dificuldades financeiras, mas contou que nada do que falou é mentira, pois trabalha com eventos e fez um grande investimento antes da pandemia. Ele também precisou vender seu carro e sua guitarra para pagar contas:

"Não foi fácil. Sempre vivi de eventos, então sempre me arrisquei. Mexeu muito comigo. Acabei me expondo muito na hora e já vi, inclusive, alguns memes. Eu sou emancipado desde os 16 anos, óbvio que poderiam pensar que o filho do Fábio Jr. é mimado".

Leia também: Fábio Jr tem ataque de fúria após Fiuk implorar por dinheiro na TV

Ele completou, dizendo que não ganha mesada:

"Se eu ganhasse mesada, se ele tivesse conduzido minha vida assim, também não teria vergonha, mas infelizmente, ele não paga, tá galera? Eu moro com ele, mas desde os 16 anos pago minhas contas. Fico alternando entre meu pai, minha mãe e sou muito caseiro".

Primeira selfie depois de sair do confinamento do BBB21 (reprodução Instagram)

No papo, Fiuk contou que se libertou durante os 100 dias em que esteve confinado:

"Acho que tive coragem de ser eu. Sempre fui tão inseguro. A gente vive nesse mundo... Sou ator e cantor, então me dei o direito de ser imperfeito, sempre escondi minha depressão, meu TDAH, por conta das redes sociais, que as pessoas estão sempre sorrindo. Foi uma experiência muito dolorosa, mas muito transformadora. Foi lindo. Estou muito grato, porque estou muito realizado. Não sou perfeito, desculpa decepcionar as pessoas. Carrego as minhas dores, mas também sou gente fina"

A experiência serviu até de inspiração para futuras composições:

"Foi muito intenso. Vai ter muita música sobre essa experiência. Lá dentro é muito intenso. O programa me deu uma certeza do que eu amo. Estou muito mais leve. Não dormi até agora. É uma energia que vem do além. É muito mágico!"

Sobre a relação com Juliette, ele disse que no início achou que fosse uma questão de interesse, que ela queria se aproveitar: 

"A gente teve altos e baixos. Mas no começo, eu tenho muita mania de perseguição. Muita gente já se aproximou de mim por interesse e lá eu levei essa mania. Quando eu entendi que, de fato, ela estava do meu lado, foi muito mágico. Agora que ela está cheio de amigos e pretendentes, mas se depender de mim, com certeza seremos amigos."

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas