Flamengo oficializa renovação do contrato do goleiro Diego Alves

esportes
18.12.2020, 19:23:16
Atualizado: 18.12.2020, 19:30:52
Diego Alves está no Flamengo desde 2017 (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Flamengo oficializa renovação do contrato do goleiro Diego Alves

"Hoje estou no lugar onde meu coração quer", declarou o goleiro

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A diretoria do Flamengo enfim oficializou nesta sexta-feira (18) a renovação do contrato do goleiro Diego Alves. Clube e jogador chegaram a um acordo de validade de um ano, em reunião realizada na quinta, após longo impasse causado por divergências quanto a valores e tempo de contrato.

"Estou aqui para anunciar minha renovação de contrato. Mais um ano vestindo este Manto Sagrado. Poder estender esse vínculo vitorioso com todos vocês. Dizer que hoje estou no lugar onde meu coração quer", declarou o goleiro, nesta sexta, após a oficialização do novo contrato.

Diego Alves está no Flamengo desde 2017. Ele soma 157 jogos e nove títulos, sendo os principais a Copa Libertadores e o Brasileirão do ano passado. Também levantou os troféus da Recopa Sul-Americana e da Supercopa do Brasil neste ano. Foi ainda bicampeão estadual, entre 2019 e 2020, faturando ainda os troféus da Taça Guanabara (o primeiro turno do Carioca), em 2018 e 2020, e da Taça Rio (segundo turno do Estadual), em 2019.

"Estou muito feliz, espero que a gente tenha mais um ano de vitórias, conquistas e que a gente possa se encontrar o mais rápido possível no Maracanã lotado, para todos comemorarem juntos", disse Diego Alves.

Jogador e clube vinham enfrentando impasses na negociação nos últimos meses. Inicialmente, o Flamengo propôs renovação com aumento de 30% de salário e vínculo de dois anos. A oferta, contudo, foi descartada em seguida por decisão do departamento financeiro do clube.

Em seguida, o Flamengo apresentou nova proposta, mais modesta, devido à situação financeira do clube. E ofereceu aumento de 10% no salário e vínculo de um ano. Diego Alves não escondeu a insatisfação e rejeitou a proposta, estendendo o impasse, resolvido somente na reunião de quinta-feira (17).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas