Fortaleza leva gol nos acréscimos e cai na Sul-Americana

esportes
28.02.2020, 10:39:49
Atualizado: 28.02.2020, 14:35:44
Romarinho passa por Bustos, autor do gol do Independiente (Stephan Eilert / AFP)

Fortaleza leva gol nos acréscimos e cai na Sul-Americana

Independiente avançou mesmo com derrota; veja os gols

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


O Fortaleza esteve muito perto de conquistar resultado histórico na noite de quinta-feira (27). Até os 47 minutos do segundo tempo, vencia o tradicional Independiente por 2x0, placar suficiente para avançar na Copa Sul-Americana. Mas o time argentino conseguiu balançar as redes, em lance improvável, nos acréscimos e causou a eliminação da equipe brasileira na primeira fase do torneio internacional.

Mesmo vencendo por 2x1, o Fortaleza se despediu da Sul-Americana porque perdera o jogo de ida por 1x0. E o gol do Independiente marcado fora de casa, no Castelão, selou a classificação dos argentinos à segunda fase. O Independiente é o recordista de títulos da Copa Libertadores, com sete troféus.

Mas toda a tradição não foi suficiente para conter o ímpeto do Fortaleza durante a maior parte do jogo, no embalo de sua empolgada torcida. O apoio das arquibancadas compensou as limitações do time brasileiro, que não fez grande apresentação, mas foi mais eficiente que o rival durante a maior parte do duelo.

O Independiente, contudo, fez valer a maior experiência em duelos de mata-mata e Copas para avançar. Este confronto marcou a estreia do Fortaleza em competições internacionais oficiais.



O JOGO

O Fortaleza foi para cima do rival argentino assim que o árbitro apitou pela primeira vez. E deu um sufoco no adversário, mais na base da empolgação do que no futebol. O clima de euforia nas arquibancadas contagiava o gramado e nem mesmo a experiência do Independiente conseguia evitar esta motivação extra dos anfitriões.

O time cearense, contudo, estava atrás no placar agregado em razão da derrota no jogo de ida. Até que Osvaldo, que já havia sido o destaque do time na primeira partida, disparou pela esquerda, entrou na área e foi derrubado pela defesa. O árbitro confirmou a penalidade, convertida por Juninho, em chute certeiro no canto direito do goleiro Campaña, aos 26 minutos.

O gol empatou o confronto e, ao mesmo tempo, esfriou o ímpeto do Fortaleza. Com este placar, o duelo seria decidido na prorrogação. A sensação de alívio dos donos da casa permitiu ao Independiente enfim entrar no jogo, equilibrando as ações.

Os lances ofensivos, no entanto, seguiam rareando, nos dois lados. Num dos melhores momentos da etapa inicial, Fernández acertou lindo chute de fora da área e exigiu grande defesa do goleiro Felipe Alves, evitando o gol argentino.

No segundo tempo, o Fortaleza continuava ligeiramente melhor que o rival. Tinha mais iniciativa e objetividade, mas falhava nas finalizações. Depois de duas chegadas perigosas com David, o técnico Rogério Ceni mudou o ataque, trocando Romarinho por Marlon.

E, apenas um minuto após entrar em campo, Marlon balançou as redes. Aos 33, Gabriel Dias cruzou rasteiro da direita para trás e o atacante chutou rasteiro, da entrada da área, para marcar o segundo gol dos anfitriões.

O duelo parecia definido, com grande festa da torcida cearense no Castelão. Até que o Independiente surpreendeu com um gol inesperado aos 47 minutos. O lateral Bustos investiu pela direita, foi até a linha de fundo e bateu cruzado. A bola desviou na zaga do Fortaleza e morreu no fundo das redes, diante do desespero da torcida local.

O gol fora de casa acabou classificando os argentinos, que ficaram com a vantagem nos critérios de desempate, apesar do empate em 2x2 no confronto geral.


***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/depois-de-um-susto-targino-se-prepara-para-cantar/
Músico sofreu grave acidente de carro, mas escapou ileso e agora se prepara para fazer lives
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sao-joao-sera-comemorado-com-maratona-de-lives-promovidas-pelo-correio/
Serão seis apresentações de bandas e cantores durante o projeto, que arrecadará doações
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/junho-chegou-correio-promove-lives-para-comemorar-o-sao-joao/
Apresentações acontecem sempre às sextas e sábados de junho, às 19h
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/editorial-fotografado-a-distancia-une-tres-paises-na-quarentena/
O ensaio foi realizado pela plataforma Zoom, usando celular
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bau-de-marrom-a-bahia-tambem-ensina-ao-mundo-como-cantar-e-dancar-forro/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/copo-de-leite-faz-haddad-acusar-bolsonaro-de-brindar-supremacistas-brancos-entenda/
Leite tem sido usado como símbolo por neonazistas nos EUA; petista enxergou provocação após repercussão de mortes de homens negros. Presidente nega
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anastacia-comemora-80-anos-com-muito-forro/
Cantora e compositora lança EP com produção de Zeca Baleiro e parcerias com Mariana Aydar, Chico César e Amelinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nizan-guanes-vai-entrevistar-roberto-medina-abilio-diniz-e-washington-olivetto/
As entrevistas são parte do Sunday Night Live que o publicitário tem realizado em sua conta do Instagram
Ler Mais