Ganhadeiras de Itapuã voltam ao Rio para Desfile das Campeãs da Viradouro

entretenimento
28.02.2020, 18:00:00
A ala das Baianas desfilou de baianas quituteiras, que hoje são as mulheres que vendem Acarajé (Ronaldo Nina | Riotur)

Ganhadeiras de Itapuã voltam ao Rio para Desfile das Campeãs da Viradouro

Apresentação será neste sábado (29) e tem transmissão ao vivo do G1

Elas estão com tudo! Depois de desfilarem como estrelas na Marquês de Sapucaí, em uma homenagem feita pela Unidos do Viradouro, As Ganhadeiras de Itapuã estão de volta para o Rio de Janeiro. Dessa vez, com o status de campeã, as 13 senhoras e outros 17 integrantes da banda vão literalmente encerrar o Desfile das Campeãs, que acontece neste sábado (29).  

A apresentação vai ter transmissão do G1, a partir das 21h, com narração do jornalista Diego Haidar e comentários de Daniel Targueta e Milton Cunha. A previsão é de que a Viradouro entre na Sapucaí às 2h40, na madrugada do sábado para o domingo (1). A escola vai encerrar o desfile comemorativo, que vai ter ainda as outras cinco primeiras colocadas: Mangueira, Salgueiro, Beija-flor, Mocidade e Grande Rio, em ordem de apresentação. Todos os ingressos para o desfile já foram vendidos.  

Essa é a oportunidade do público rever elementos do desfile que chamaram atenção do Brasil inteiro, como a Comissão de Frente, vencedora do Estandarte de Ouro, premiação do jornal O Globo conhecida como “Oscar do Samba”. A escola trouxe uma atleta do nado sincronizado, Anna Giulia, que se apresentou como sereia em um aquário com 7 mil litros de água mineral. Relembre:

Outros momentos de destaque foram a bateria que, fantasiada do grupo de afoxé Malê Debalê, fez uma nuance de ritmos baianos para juntar com o samba, e a 20ª ala, que representava a festa de Iemanjá e tinha um elemento cênico enorme, a Baleia de Itapuã, festa criada por João Loureiro e Waly Salomão, em 1987. Após o desfile, a estrutura vai ser doada ao grupo que mantém a festa viva até hoje. 

As Ganhadeiras de Itapuã embarcaram na manhã desta sexta-feira (28) para o Rio de Janeiro (Foto: Ivana Soares/Divulgação)

As Ganhadeiras embarcaram nesta sexta-feira (28) para o Rio de Janeiro e vão desfilar mais uma vez no último carro alegórico, encerrando o desfile. Outra que também vai para a capital fluminense é Margareth Menezes, que desfilou como destaque no quarto carro. 

 “Eu fiquei tão feliz com essa conquista. Quando visitei a escola pela primeira vez, o meu sentimento era de que eles estavam apostando na vitória mesmo”, disse Margareth, que em 2020 desfilou pela primeira vez numa escola de samba. 

Outra artista que está com presença confirmada é Lore Importa, que se tornou um “amuleto da sorte” da Viradouro. Quando ela desfilou pela primeira vez na escola, em 2018, a Vermelho e Branco de Niterói foi campeã da Série A e subiu para o grupo especial. Ano passado, Lore não desfilou e a Viradouro ficou no vice-campeonato, mesmo sendo cotada para ser campeã. Já em 2020, Lore voltou como musa e a escola foi campeã de novo. “Não tenho palavras, só tenho que agradecer pela oportunidade. Eu disse que era pé quente!”, publicou a artista no seu Instagram. 

Lore Improta desfilou fantasiada de rainha do Carnaval de Itapuã (Foto: Raphael David/Riotur)

*Com orientação da editora Ana Cristina Pereira

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas