Grupo de teatro fictício monta uma peça dentro da outra

entretenimento
19.05.2022, 14:00:00
Grupo Novos Candangos em cena de A Gaivota (Rafael Toscano/divulgação)

Grupo de teatro fictício monta uma peça dentro da outra

Grupo Novos Candangos faz metalinguagem no espetáculo A Gaivota, encenado sábado (21) em Cajazeiras e domingo (22) no Teatro Vila Velha

Os Beatniks é um grupo de teatro que não existe, mas que se aventura na montagem do clássico russo A Gaivota, de Anton Tchekhov. Numa grande desordem, quatro atores jogam com a realidade e a ficção, tratando a obra de arte como se fosse um brinquedo na mão de crianças irresponsáveis. Uma mistura de Tchekhov com Shakespeare, Pirandello e comédias chapolinescas. Nada revolucionário e talvez até, insensato. Semi-profano, mas sem se levar a sério. Um pseudo-manifesto sobre arte e teatro. 

Assim, A Gaivota (a peça dentro da peça) conta a história de Trepliov, um jovem dramaturgo apaixonado por Nina, uma atriz iniciante. Nina, por sua vez, está apaixonada pelo ilustre escritor Boris Trigorin, companheiro de uma das maiores divas do teatro russo, Irina Arkádina, mãe de Trepliov.  O espetáculo estreou em 2013 em Brasília e já foi apresentado em diversos estados ao longo desses nove anos.

Neste sábado (21), o espetáculo do grupo Novos Candangos, dirigido por Diego de León, será apresentado de forma gratuita no Espaço Boca de Brasa Cajazeiras, às 19h. No domingo (22), às 17h, a peça será encenada no palco do Teatro Vila Velha, com ingressos a R$ 10 | R$ 5.

O grupo Novos Candangos foi fundado em 2012 por artistas cênicos do Distrito Federal. Motivado pela pesquisa do teatro pós-dramático, o grupo tem em seu currículo os espetáculos A Falecida e Perdoa-me por me Traíres,  de Nelson Rodrigues, a antologia Os Beatniks em ‘A Gaivota e Os Beatniks em ‘Psicose, além da comédia de ficção científica Monstros.

Serviço: peça A Gaivota, com o grupo Novos Candangos | sábado (21), 19h, no Espaço Boca de Brasa Cajazeiras, gratuito; domingo (22), 17h, no Teatro Vila Velha, R$ 10/ R$ 5

É necessário o uso de máscara facial e apresentação do  cartão de vacinação ou certificado digital emitido pelo aplicativo Conecte SUS - COVID-19.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas