Guarda Municipal capturou 70 cobras em Salvador apenas em 2017

salvador
25.05.2017, 09:49:00
Atualizado: 25.05.2017, 09:49:20

Guarda Municipal capturou 70 cobras em Salvador apenas em 2017

Desde 2015, os agentes resgataram 320 serpentes nas ruas e outras áreas urbanas da cidade

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Você já imaginou estar andando pela rua e de repente encontrar com uma cobra sucuri ou uma jiboia no meio do caminho? Essa realidade pode parecer coisa de zona rural, mas está se tornando rotina em Salvador. Desde janeiro, 70 cobras foram apreendidas pelo Grupo Especial de Proteção Ambiental (Gepa)nas ruas da cidade. Desde 2015, foram capturadas 320 serpentes em Salvador.

Agentes seguram um dos animais capturados (Foto: divulgação/ Guarda Municipal)

Entre as espécies estão jiboia, sucuri, jararaca, cascavel e coral. São animais grandes e alguns venenosos. Para a comandante da Guarda Civil Municipal (GCM), Robson Pires, responsável pelo Gepa, as cobras estão se adaptando a vida nos grandes centros. Algumas delas foram encontradas dentro dos esgotos da cidade. 

Tentar resgatar uma cobra é perigoso, por isso, o comandante recomendou que nessas situações a população procure imediatamente a corporação, através do telefone da Guarda Civil: (71) 3202-5312.

Diversos animais foram resgatados em vias movimentadas (Foto: divulgação/ Guarda Municipal)

Os animais resgatados são encaminhados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), localizado Rua Fernando Pedreira, na Estrada das Barreiras, no bairro do Cabula. Animais silvestres como raposas, jacarés, tartarugas, corujas, gaviões, tamanduás, ouriços, bichos-preguiça, micos e iguanas também já foram resgatados pela corporação.

Os animais apreendidos recebem cuidados (Foto: divulgação/ Guarda Municipal)

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas