Guto destaca amadurecimento do Bahia antes da final e importância de fazer gol fora de casa

e.c. bahia
16.05.2017, 11:50:00

Guto destaca amadurecimento do Bahia antes da final e importância de fazer gol fora de casa

Com vantagem de disputar a segunda partida em casa, treinador quer o time jogando de forma intensa na Ilha do Retiro

O Bahia começa a decidir o título da Copa do Nordeste quarta-feira (17), às 21h45, contra o Sport, na Ilha do Retiro, e conquistar um resultado positivo fora de casa será fundamental para as pretensões do clube de levantar o caneco. O volume ofensivo apresentado na goleada de 6x2 sobre o Atlético-PR deu moral e confiança ao elenco. Para o técnico Guto Ferreira, o momento vivido pelo tricolor é fruto do amadurecimento da equipe. 

"Fizemos dois Ba-Vis fora de casa com essa situação dentro de campo, a atitude, a situação de brigar por cada palmo. O principal, postura, atitude, o Bahia teve, o resultado pode não ter fluído nos dois Ba-Vis fora de casa, mas o Bahia jogou bem e conseguiu ter atitudes importantes. O único jogo fora de casa que ficamos aquém foi o Paraná Clube. Ainda assim, o jogo era jogado o tempo todo em contra-ataque. O Bahia mostrou que amadureceu em cima dessa situação e o retrospecto fora de casa tem sido diferente", apontou o treinador.

Com três desfalques, Guto faz mistério e só revelará o time minutos antes da bola rolar na Ilha do Retiro
(Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Com a vantagem de jogar a segunda partida em casa, dia 24, na Fonte Nova, Guto lembra ainda da importância de fazer gol no primeiro confronto. Neste sentido, o retrospecto é favorável ao Esquadrão. Nos 27 jogos deste ano, o tricolor balançou a rede em 21. Um dos problemas, entretanto, será a ausência do meia Régis. Artilheiro do Bahia em 2017 com 11 gols, ele está suspenso do jogo da ida.

Porém, o treinador acredita que quem for escolhido para a vaga vai dar conta do recado. "Nesse critério a importância de marcar gols fora é total. Aquele golzinho no Barradão, na semi, nos trouxe tranquilidade de trabalhar por um triunfo simples. Depois conseguimos 2x0. Esse 2x0 deu a tranquilidade de não sermos eliminados de imediato em caso de tomar um gol, e no final do jogo a tranquilidade de administrar os dois brigando pelo terceiro. São situações que, dentro da estratégia de jogo, te fortalecem. Um, dois, três gols fora sempre serão bem-vindos".

 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas