Inter de Milão derrota Milan por 4x2 de virada e assume a ponta

esportes
09.02.2020, 21:38:00
Atualizado: 09.02.2020, 23:07:57
Jogadores da Inter comemoram virada épica no San Siro (Foto: Marco Bertorello/AFP)

Inter de Milão derrota Milan por 4x2 de virada e assume a ponta

Assista aos gols

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A briga pelo título do Campeonato Italiano, em sua 23ª rodada, esquentou de vez neste final de semana. No sábado, a líder Juventus foi surpreendida com a derrota para o Verona por 2 a 1 e deu chances para Inter de Milão e Lazio encostarem na tabela de classificação neste domingo (9). E foi isso que as duas equipes fizeram. Depois do time de Roma bater o Parma por 1x0, o milanês encarou o clássico contra o Milan e venceu de virada por 4x2 para delírio de sua torcida, que foi maioria no estádio Giuseppe Meazza.

Com a vitória, a Inter de Milão chegou aos 54 pontos e se igualou à Juventus na liderança da competição. Como o primeiro critério de desempate é o confronto direto, a equipe de Turim leva vantagem por ter vencido o jogo do turno por 2x1, em Milão. O do returno, no Juventus Stadium, acontecerá no dia 1º de março. A Lazio vem logo atrás, em terceiro lugar, com 53.

A Inter de Milão teve um clássico para nunca mais esquecer neste domingo. No primeiro tempo, o Milan foi melhor, mas nada que indicasse que poderia ir para o intervalo vencendo por 2x0. Os gols só saíram nos minutos finais. Aos 40, Ibrahimovic ganhou no alto e desviou para Rebic mandar para as redes. Nos acréscimos foi a vez de o centroavante sueco marcar após Kessié desviar no meio da área após escanteio.

Na segunda etapa, a reação da Inter de Milão foi imediata. Aos cinco minutos, Brozovic acertou um lindo sem pulo para diminuir. No lance seguinte, o empate veio com Vecino após receber de Alexis Sánchez. A virada aconteceu aos 25 minutos com o zagueiro De Vrij, que aproveitou um escanteio cobrado pelo atacante chileno.

Aos 44 minutos, já com o meia brasileiro Lucas Paquetá em campo, Ibrahimovic jogou na trave a chance do empate. O Milan foi para cima de qualquer maneira e acabou levando o quarto gol no contra-ataque, em cabeçada do centroavante belga Romelu Lukaku.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas