Isaquias vence bateria no C1 1000m e avança direto à semifinal

esportes
05.08.2021, 22:04:00
Atualizado: 05.08.2021, 22:45:01
Isaquias Queiroz avançou direto para a semifinal (Gaspar Nóbrega/COB)

Isaquias vence bateria no C1 1000m e avança direto à semifinal

Baiano ficou em primeiro lugar na sua bateria e conseguiu classificação; Jacky Godmann termina em quarto e disputará as quartas de final

Isaquias Queiroz está na semifinal da categoria C1 1.000m da canoagem velocidade na Olimpíada de Tóquio. Se, na prova em duplas, o baiano precisou disputar as quartas de final, dessa vez ele garantiu a classificação antecipada, após vencer sua bateria com o tempo de 3m59s894, na noite desta quinta-feira no Brasil (manhã de sexta no Japão), no Canal Sea Forest.

Os dois primeiros de cada bateria avançavam direto para a semi, enquanto os demais disputam as quartas. Isaquias largou na liderança e ficou na frente de ponta a ponta. Passou os primeiros 250m com o tempo de 55s13 e cruzou os 500m com 1m56s48. Nos 750m, marcou 3m00s59, até cruzar a chegada com 3m59s894.

Aos 27 anos, Isaquias está em busca do seu quarto pódio olímpico. No Rio de Janeiro, em 2016, foi prata na C1 1.000m e na C2 1.000m, além de ter levado o bronze na C1 200. 

A fase semifinal do C1 1000m acontece na noite de sexta-feira (6), com duas baterias, às 21h44 e 21h52. Já a decisão está marcada para a mesma noite, às 23h53.

Jacky nas quartas
Outro baiano no C1 1000m, Jacky Godmann terá que disputar as quartas de final, ainda nesta noite. O brasileiro terminou sua bateria em quarto, com o tempo de 4m24s732. O tcheco Martin Fuksa (4m01s620) e o húngaro Balazs Adolf (4m01s665) chegaram em primeiro e segundo, respectivamente.

A grande surpresa na bateria de Jacky foi o alemão Sebastian Brendel, recordista mundial, em terceiro lugar, com 4m02s351. Por isso, também teve que ir às quartas de final.

Classificação da bateria 2

1. Isaquias Queiroz (Brasil) - 3m59s894 (classificado à semifinal)
2. Hao Liu (China) - 4m06s914 (classificado à semifinal)
3. Petr Fuksa (República Tcheca) - 4m14s482 (disputa as quartas de final)
4. Pavlo Altukhov (Ucrânia) - 4m15s508 (disputa as quartas de final)
5. Sergey Yemelyanov (Cazaquistão) - 4m16s039 (disputa as quartas de final)
6. Wiktor Glazunow (Polônia) - 4m25s996 (disputa as quartas de final)
7. Rudolf Williams (Samoa) - 5m19s538 (disputa as quartas de final)

Classificação da bateria 3

1. Martin Fuksa (República Tcheca) - 4m01s620 (classificado à semifinal)
2. Balázs Adolf (Hungria) - 4m01s665 (classificado à semifinal)
3. Sebastian Brendel (Alemanha) - 4m02s351 (disputa as quartas de final)
4. Jacky Godmann (Brasil) - 4m24s732 (disputa as quartas de final)
5. Roland Varga (Canadá) - 4m49s250 (disputa as quartas de final)
6. Joaquim Lobo (Moçambique) - 4m49s676 (disputa as quartas de final)
7. Roque Fernandes dos Ramos (São Tomé e Príncipe) - 5m00s977 (disputa as quartas de final)

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas