Lewis Hamilton pode ser preso por forçar cachorro a ser vegano

esportes
22.10.2021, 20:04:00
Atualizado: 22.10.2021, 20:04:50
Hamilton e Roscoe, seu bulldog inglês (Reprodução/Instagram)

Lewis Hamilton pode ser preso por forçar cachorro a ser vegano

Piloto inglês mudou refeições de bulldog inglês e aplicou dieta sem carne para o animal

Heptacampeão mundial da Fórmula 1, o piloto Lewis Hamilton pode ser preso por um motivo bizarro. Vegano desde 2017, o piloto também está dando uma dieta à base de plantas para seu cachorro, Roscoe, um bulldog inglês. Porém, segundo a instituição de bem-estar animal Blue Cross, isso poderia infringir uma lei no Reino Unido.

"No Reino Unido, segundo a Lei do Bem-Estar Animal, o proprietário tem a obrigação de alimentar o animal com uma dieta adequada. Se seu sistema de crenças pessoal significa que você não quer comer nenhuma proteína animal, tudo bem, mas essa dieta não foi projetada para atender aos padrões de bem-estar de seu animal de estimação. É teoricamente possível alimentar um cachorro com dieta vegetariana, mas é muito mais fácil errar do que acertar", disse a presidente da Associação Veterinária Britânica, Daniella Dos Santos, segundo o jornal Daily Mail.

A lei existe desde 2006 e pode render uma multa de 20 mil libras (R$ 155 mil) e até 51 semanas de prisão para quem a infringir sem a supervisão de um nutricionista veterinário.

Roscoe tem um perfil próprio no Instagram, com mais de 400 mil seguidores. A descrição diz: "Sou um buldogue vegano que adora viajar, jogar bola e chamar a atenção de todas as garotas, principalmente quando elas acariciam meu traseiro. Eu gosto de frisbee e tênis".

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas