Madonna é chamada de 'prostituta desesperada' por cantor de rock

entretenimento
18.05.2019, 14:18:00
Atualizado: 18.05.2019, 14:19:34

Madonna é chamada de 'prostituta desesperada' por cantor de rock

Músico criticou cantora por participação em concurso musical em Israel

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A cantora Madonna foi chamada de "prostituta desesperada" pelo líder do grupo escocês alternativo Primal Scream, Bobby Gillespie. O músico criticou a participação de Madonna no Eurovision, festival de concurso de canções, realizado neste sábado (18), em Tel Aviv, Israel.

O evento tem sido marcado por tensões políticas. Isso porque a escolha de Tel Aviv foi criticada em razão do conflito entre israelenses e palestinos. "Madonna faz tudo por dinheiro, ela é uma total prostituta. Está desesperada por publicidade, por dinheiro. Nada contra prostitutas, mas a coisa se trata de normalizar o Estado de Israel e do seu desenroso tratamento ao povo palestino", disse Gillespie, de acordo com o "Metro".

O Instagram de Madonna já havia sido bombardeado por comentários contrários à sua ida a Israel. "Estou desapontado com o fato de você ir a Israel. Obviamente é mais importante para você publicidade do que o sofrimento do povo palestino", escreveu um fã. A cantora gravou um vídeo dançando logo em seguida.

A escolha de realizar o concurso musical criado em 1965 em Isareal aconteceu depois que Netta Barzila, israelense, venceu a última edição, em Portugal. 


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas