Man. City bate Aston Villa de virada e fica mais perto do título

esportes
21.04.2021, 19:06:00
Atualizado: 21.04.2021, 19:06:30
Manchester City está a apenas oito pontos do título do Campeonato Inglês (Foto: Carl Recine/AFP)

Man. City bate Aston Villa de virada e fica mais perto do título

McGinn abre placar com gol relâmpago, mas Foden e Rodri decretam vitória para equipe de Guardiola

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Manchester City deu mais um passo rumo ao título do Campeonato Inglês. Nesta quarta-feira (21), derrotou o Aston Villa por 2x1, de virada, fora de casa, e ficou a apenas oito pontos do troféu. Abriu ainda 11 pontos de vantagem sobre o vice-líder Manchester United, que tem um jogo a menos.

Com 77 pontos, contra 66 do United, o City tem mais cinco partidas a serem realizadas no Inglês. Para assegurar o título, o time de Pep Guardiola só precisa faturar oito dos 15 pontos em disputa. Já o Aston Villa figura no 11º lugar da tabela, com 44 pontos.

Com Gabriel Jesus entre os titulares e Fernandinho no banco - entrou somente nos minutos finais -, o City levou um susto logo aos 23 segundos de jogo. Foi quando Ollie Watkins cruzou rasteiro para John McGinn completar com facilidade para as redes.

Mas a alegria dos anfitriões durou apenas 20 minutos. Em jogada bem trabalhada pela direita, Bernardo Silva encontrou Foden, sem qualquer marcação, na marca do pênalti, aos 21. O atacante finalizou no canto, com certa tranquilidade. O mesmo Bernardo Silva, em dia de "garçom", voltou à carga aos 39, ao levantar a bola na área, na cabeça de Rodri, que decretou a virada no placar.

Antes do intervalo, o City sofreu uma perda inesperada. Aos 44, John Stones foi expulso direto após falta dura em Jacob Ramsey. Ele chegou a levar o amarelo, mas o árbitro foi chamado para consultar o VAR e trocou a cor do cartão.

Porém, mais uma vez a "vantagem" do Aston Villa durou pouco. Aos 11 do segundo tempo, Matty Cash levou o segundo cartão amarelo e deixou o time da casa também com um a menos em campo.

Com a igualdade numérica, o City não encontrou problemas para sustentar a vantagem no placar, sacramentando a 24ª vitória do time na competição.

Mais cedo, o Tottenham derrotou o Southampton por 2x1, em casa, no primeiro jogo dos londrinos após a demissão de José Mourinho. Sob o comando do técnico interino Ryan Mason, o Tottenham contou com gols de Gareth Bale e Heung-Min Son, de pênalti, aos 45 minutos do segundo tempo. O sul-coreano chegou a ter um gol anulado aos 30 da mesma etapa.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas