Maria se pronuncia pela 1ª vez após ser expulsa do BBB22: "erros não me definem"

entretenimento
17.02.2022, 18:55:00
(Reprodução)

Maria se pronuncia pela 1ª vez após ser expulsa do BBB22: "erros não me definem"

Cantora afirmou que está bem, na medida do possível

Expulsa do Big Brother Brasil 22 por agredir a participante Natália com um balde na terça-feira (15), Maria se pronunciou publicamente nesta quinta (17) pela primeira vez após a desclassificação.

CONHEÇA O CORREIO AFRO

A cantora comentou que recebeu muitas mensagens de apoio e mostrou-se consciente da atitude que cometeu. Ao #RedeBBB, a artista enviou um vídeo declarando: "Que vocês fiquem sempre com a imagem positiva de tudo o que eu fiz de bom. E os erros, eles acontecem, mas eles não me definem".

Ela tranquilizou os fãs, intitulados "mariconas", afirmando que está bem, na medida do possível.

"Minhas mariconas, meus queridos e minhas queridas que me acompanharam nessa trajetória doida que é o BBB e que está sendo o BBB 22. Só quero passar para dizer que está tudo bem, na medida do possível. Estou tentando entender como está o mundo aqui fora, porque entramos numa imersão e sair é uma coisa diferente, até porque a gente sai muito diferente. E é isso, bola para frente, vida que segue, jogo lá dentro também", comentou.

Ela também mostrou-se interessada em continuar na vida pública, mencionando "a Maria autêntica que mostrou".

"Aqui fora, minha vida continua e espero continuar mostrando a Maria autêntica que tem aqui e que mostrei aqui dentro. Estou ciente e estou lidando com isso, tá bom? Um beijo, brigada por todo apoio, todo carinho, as mensagens e o resto, vocês sabem como é o meu jeito, estamos aí também", completa.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas