Mayweather anuncia que vai fazer revanche contra Pacquiao em 2018

esportes
15.09.2018, 14:26:00
Mayweather venceu o único confronto que teve com Pacquiao (Foto: JOHN GURZINSKI / AFP)

Mayweather anuncia que vai fazer revanche contra Pacquiao em 2018

"Outro pagamento de nove dígitos vem por aí", disse o pugilista em vídeo

O boxeador Floyd Mayweather Jr. anunciou que vai deixar a aposentadoria para fazer mais uma luta com Manny Pacquiao, ainda em 2018. Em vídeo publicado no Instagram neste sábado (15), os rivais aparecem discutindo durante uma show de música eletrônica, em Tóquio, no Japão.

"Estou voltando para lutar contra Manny Pacquiao neste ano. Outro pagamento de nove dígitos vem por aí", diz a legenda da publicação do norte-americano. Mayweather se refere à bolsa garantida de US$ 100 milhões recebida por ele para enfrentar o filipino pela primeira vez, em maio de 2015.

Durante a discussão entre os lutadores, é possível ouvir Pacquiao afirmar que "tem o cinturão", uma vez que ele é o campeão regular peso meio-médio (categoria até 66,7 Kg) da Associação Mundial de Boxe. Em resposta, Mayweather afirma que vai tomar o título dele de novo, "como da última vez", e que não quer ouvir desculpas sobre uma suposta lesão no ombro.

Quando se enfrentaram há três anos e meio, Mayweather saiu vitorioso após 12 rounds, por decisão unânime dos juízes (116 a 112, 116 a 112 e 118 a 110). Pacquiao contestou a avaliação dos jurados e, posteriormente, disse que lutou com uma lesão no ombro. A data do novo combate e mais detalhes não foram divulgados

Aos 41 anos, Mayweather competiu no boxe pela última vez em agosto de 2017, quando venceu o lutador de MMA Conor McGregor por nocaute técnico, no décimo assalto. O norte-americano, campeão mundial 12 vezes e em cinco categorias diferentes ao longo da carreira, ostenta um cartel perfeito de 50 vitórias (27 por nocaute) em 50 combates.

Pacquiao, de 39 anos, é o único lutador na história a ter vencido títulos mundiais em oito categorias diferentes. O filipino, porém, perdeu quatro vezes nas últimas dez em que se apresentou. O campeão meio-médio fez 69 combates na carreira, venceu 60 (39 por nocaute), perdeu sete e empatou duas vezes.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas