Megashow de “The Black Eyed Peas” empolga público em Salvador

entretenimento
20.10.2010, 05:31:00
Atualizado: 20.10.2010, 14:49:47

Megashow de “The Black Eyed Peas” empolga público em Salvador

Não faltaram sucessos como Boom Boom Pow, Rock the Body e I Gotta Feeling

Luana Marinho Nogueira | Redação CORREIO
luana.nogueira@redebahia.com.br

Ainda que muitos tenham duvidado, a banda americana “The Black Eyed Peas” conseguiu atrair, em plena noite de terça-feira (19), uma multidão de fãs e admiradores ao Parque de Exposições, na Avenida Paralela.

Fergie, Will.i.am, Taboo e Apl.de.ap não só apresentaram os hits já conhecidos pelo público, como trouxeram a Salvador a megaestrutura da turnê The Energy Never Dies, baseada no álbum “The End”. Elevadores, palco giratório, telões, batidas eletrônicas e efeitos especiais formaram o clima ideal para não deixar ninguém parado.

Depois da apresentação da Timbalada, o grupo subiu ao palco já empolgando com “Let’s Get It Started”, seguido por “Rock the Body” e “Meet me Halfway”. E se o objetivo era animar geral, Will.i.am chegou a trocar o microfone pelas pick ups, após ser elevado à altura de seis metros por um elevador escondido no palco. Nesta hora, valeu misturar música eletrônica com hip hop, rock, forró, e até homenagear o rei do pop, Michael Jackson, com trechos de “Billie Jean” e “Thriller”.

Outro momento interessante ocorreu durante “Mas Que Nada”, que contou com a participação de 19 dançarinas brasileiras. Nenhuma delas, no entanto, atraiu mais atenção dos marmajos que a exuberante Fergie. A vocalista arrancou suspiros com suas piscadelas e rebolados em músicas como “My humps”, “Fergalicious”, “Glamorous” e “Shut up”.


Fergie arrancou suspiros em músicas como"My Humps" e “Fergalicious”

Foi com a entrada de Fergie, em 2003, que o BEP passou a fazer sucesso. Mas, para o estudante Ricardo Ering, de 24 anos, por causa da vocalista, o grupo perdeu aos poucos o foco no hip hop para ficar mais pop. A prima dele, Paula Viana, 27, que o acompanhou no show, discorda. “Eu adoro a Fergie, acho a participação dela importante. Com ela, a banda torna-se diferenciada”.

Após duas horas, o quarteto encerrou o show com declarações de amor ao Brasil feitas por Will.i.am. “É a segunda vez que estou em Salvador. Eu gosto do Brasil porque as pessoas são ‘sangue bom”, afirmou o vocalista. Ele revelou também a vontade de morar no país.

"Showdown/Party all time", "Boom Boom Pow" e "I Gotta Feeling" encerraram a apresentação. No Brasil, a turnê passará ainda por São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre e Brasília. Depois, será vista em Buenos Aires, Santiago e Lima.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/video-mostra-desespero-de-baleado-pela-pm-em-portao-cade-minha-filha-eu-amo-ela/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/o-ultimo-suspiro-foi-no-meu-colo-diz-mae-de-menina-morta-por-padrasto/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moradores-negam-tiroteio-com-pm-em-portao-desceram-atirando/
Polícia Militar apura ação em jogo de futebol; testemunha relata pânico
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/tentativa-de-assalto-a-carro-forte-acaba-em-tiroteio-no-engenho-velho-da-federacao/
'Muitos tiros', diz testemunha de confronto entre bandidos e seguranças
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/povo-de-santo-se-une-e-realiza-atos-de-combate-a-intolerancia-religiosa/
Lagoa do Abaeté e Pedra de Xangô foram os palcos escolhidos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/lutador-brasileiro-do-ufc-salva-adolescente-de-afogamento-nos-eua/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pelo-menos-uma-pessoa-morre-e-duas-ficam-feridas-em-operacao-da-pm-em-portao/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/heroi-da-palestina-veja-por-onde-anda-amilton-tratorista-que-se-recusou-a-demolir-casas/
Dezesseis anos depois, CORREIO mostra como estão ele e as famílias
Ler Mais