Membro do COI confirma adiamento da Olimpíada para 2021

esportes
23.03.2020, 15:54:00
Atualizado: 23.03.2020, 16:59:02
COI sofreu pressão de todo o mundo para adiar o jogos de Tóquio-2020 (Foto: AFP)

Membro do COI confirma adiamento da Olimpíada para 2021

Informação dada pela emissora britânica BBC ainda não foi oficializada pelo Comitê

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Olimpíada de 2020, em Tóquio, capital japonesa, será adiada para o ano que vem por causa do coronavírus. A informação é da emissora britânica BBC, que escutou Dick Pound, membro do Comitê Olímpico Internacional (COI). A entidade é avessa ao adiamento dos Jogos, mas cedeu à pressão feita por federações e atletas de todo o mundo.

A decisão ainda não foi comunicada oficialmente pelo COI, mas aconteceu logo depois de comunicados como o dos comitês olímpicos da Grã-Bretanha, do Canadá e Austrália afirmarem que não enviariam delegações ao país asiático em caso de manutenção da Olimpíada na data original. "Com base nas informações que tenho do COI, o adiamento já foi decidido", disse Pound.

O futuro dos Jogos, que estão agendados para o período de 24 de julho a 9 de agosto, ainda não está decidido. O que se sabe é que passará para 2021.

No último domingo, o COI afirmou que levaria quatro semanas até ter um parecer definitivo sobre o futuro de Tóquio-2020. Segundo Pound, um parecer oficial do Comitê será publicado em breve.

"Adiaremos os Jogos e agora vamos lidar com todos os problemas decorrentes dessa decisão, que são imensos", afirmou o membro do COI.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas