Morrissey tem filme sobre sua fase teen e lança seu 11º e bom álbum solo

hagamenon brito
22.11.2017, 06:05:00

Morrissey tem filme sobre sua fase teen e lança seu 11º e bom álbum solo

Hagamenon Brito

Steven Patrick Morrissey, 58 anos, ainda é relevante. Nos cinemas da Europa e Estados Unidos,  em agosto, estreou  o drama  England Is Mine, de Mark Gill. Sem o aval do cantor, o filme relata a adolescência, em Manchester, daquele que o mundo veio a conhecer por Morrissey, o carismático líder da melhor banda inglesa dos anos 80, The Smiths.

cantor

Morrissey lança o seu 11º álbum solo,  Low in High School, e deve voltar ao Brasil para shows em abril de 2018 (Foto/Divulgação)

Na música, acaba de sair a reedição de luxo da obra-prima dos Smiths,  The Queen Is Dead (1986), agora remasterizada e acompanhada dos inevitáveis extras, que tornam ainda mais prazeroso aquilo que milhões de fãs já ouviram tantas vezes em vinil, cassete ou CD. E tem o 11º disco solo do artista, Low in High School. 

Primeiro trabalho de estúdio do cantor desde World Peace Is None of Your Business (2014), não dá para colocar Low in High School entre os grandes álbuns de Morrissey, mas ele é bom e alçanca momentos especiais nas canções Jacky’s Only Happy When She’s Up On Stage, Spent The Day in Bed, no mezzo tango The Girl from Tel-Aviv For You, na linda All The Young People Must Fall in Love e na balada ao piano Israel,  declaração de amor ao país dos judeus.

CD

Mais conhecido como (grande) letrista por tratar de questões  pessoais e neoxistenciais com beleza poética e acidez , Morrissey transforma Low in High School em seu disco solo mais diretamente político. E, óbvio, em qualquer situação, temos a sua inconfundível voz grave e glam rocker.

Veja o videoclipe de Spent The Day in Bed, canção cuja letra diz que a melhor atitude atualmente é passar o dia na cama, ignorar as noticiais e fazer apenas o que nos gostamos realmente


Rolezinho traz Xenia França, Luedji Luna e Djamila Ribeiro

cantora

As cantoras baianas Xenia França (foto) e Luedji Luna, que moram em São Paulo e acabam de lançar álbuns, e a filósofa paulista Djamila Ribeiro estão no evento Rolezinho, sábado, das 14h às 22h, no Lalá Multiespaço, no Rio Vermelho, que reúne workshops, palestra e pocket shows em torno de 40 a 50 minutos. Os ingressos para o III Rolezinho, que tem como tema O Corpo e o Mundo, custam R$ 20 (toda a programação) e R$ 15 (apenas os shows). O projeto integra o programa Red Bull Amaphiko.

Wanderléa abre o jogo em autobiografia

livro

Primeira pop star do Brasil, influenciando a música, a moda e o comportamento feminino nos anos 1960,  Wanderléa, 71, conta a sua vida na autobiografia Foi Assim (Record|392 págs.|R$ 39,390). Com pesquisa e edição de Renato Vieira, o livro tem orelha escrita por Egberto Gismonti, que fez os arranjos e a produção executiva do álbum Vamos Que Eu Já Vou (1977), da cantora. Principal nome feminino da Jovem Guarda, movimento pop que protagonizou ao lado de Roberto e Erasmo Carlos, Wandeca revela-se bem, o que inclui muitos dramas pessoais, como a perda de uma de suas irmãs, no Rio, por uma bala perdida; o acidente do então namorado José Renato, filho do apresentador Chacrinha, que o deixou tetraplégico; a perda do irmão, que era seu estilista e uma espécie de assessor especial, para a AIDS, nos anos em que também viu vários de seus amigos serem derrotados pela doença; e a morte da mãe, na véspera da morte de Maria Rita, mulher de Roberto Carlos, seu melhor amigo. Por fim, uma das maiores dores, a perda de seu filho Leonardo, afogado na piscina de casa, recém-comprada com o marido Lalo. 

O talento especial da revelação inglesa Tokio Myers

cantor

Vencedor do reality show Britain's Got Talent 2017 (que não costuma premiar artistas com esse perfil alternativo), o cantor e pianista inglês Tokio Myers (Torville Jones), 33 anos, brilha no seu primeiro álbum, Our Generation, disponível nas plataformas digitais. Ele é uma das apostas internacionais para a temporada 2018 com um cinematográfico R&B alternativo que inclui elementos de gêneros pop. As faixas Baltimore, Bloodstream e To Be Loved são destaques. Eu recomendo muito.

Ouça a canção Baltimore