Movimento nos restaurantes deve aumentar 30% no Dia das Mães; veja opções

Gastronomia
13.05.2017, 18:51:00
Atualizado: 13.05.2017, 20:47:30

Movimento nos restaurantes deve aumentar 30% no Dia das Mães; veja opções

Diversos restaurantes de Salvador irão oferecer cardápios especiais, com preços igualmente especiais

Se tem alguém que merece descanso neste final de semana são as mães. A dedicação em tempo integral dessas mulheres deve ser reconhecida no segundo domingo de maio, quando se comemora o Dia das Mães. Diversos restaurantes de Salvador irão oferecer cardápios especiais, com preços igualmente especiais, e estarão de portas abertas para servir as mulheres mais amadas do mundo.

O chef Laurent Rezette, que comanda o restaurante Caju, conta que o menu especial para o dia 14 nasceu das lembranças que Laurent traz da sua infância. Natural do norte da Bélgica, o chef relembra com carinho do sabor que tinha a comida caseira que marcou os seus primeiros anos de vida.

Caju terá cardápio especial
(Foto: Sercio Freitas/Divulgação)

"Eu comia muito cogumelos nativos, legumes que a minha família plantava, a carne do gado que criávamos e eu trouxe todas essas lembranças para o cardápio especial do Dia das Mães", disse Laurent ao CORREIO.

As mães que forem ao restaurante localizado na Rua Ceará, na Pituba, poderão degustar de entrada Salada de folhas com queijo coalho ou Rocambole de peixe empanado na farofa. Como refeição principal, Fettuccine artesanal com ricota e licuri William, Folhado de frango com cogumelos ou Filet Béarnaise com molho de vinho, manteiga e estragão, servido num folhado com legumes. A sobremesa é o Mousse de chocolate de Ilhéus. A refeição completa custa R$ 70 por pessoa e o restaurante funcionará das 12h às 16h.

Para mamas que apreciam una bela pasta italiana, o restaurante Pasta em Casa também preparou um cardápio bem maternal. A já tradicional Ilha de Massas do Pasta em Casa será ocupada por nhoque a bolonhesa, lasanha de bacalhau e raviole de muçarela de búfala. Além das massas, será servido ainda uma paleta suína assada.

O preço por pessoa, sem a opção de carne, fica R$ 49,90, e a consumação é livre. Com a paleta suína, o valor é R$ 64,90. O restaurante está localidado na Rua Professor Almerinda Dutra, no Rio Vermelho, e estará aberto para almoço das 14h às 17h.

Nessa viagem gastronômica, outro destino possível é a Casa Lisboa, típico restaurante português no Jardim Apipema. O cardápio assinado pelo chef Gualter Freire, do arquipélago dos Açores, combina frutos do mar, carnes, mas tem como principais atrativos os preparados de bacalhau. Dentre as especialidades da casa está a Trilogia do Mar, que consiste em bacalhau com purê de batata, batatas ao murro, sardinhas, lagosta e ovos cozidos.

"Acabam pedindo mais o bacalhau, que é uma comida muito típica de Portugal e as pessoas vêm aqui também em busca desse mergulho na cultura do país", disse Gualter. O menu executivo, com prato principal, sobremesa e cafezinho fica por R$ 59,9. O restaurante ainda dará de cortesia um cortesia de pão artesanal feito de abobrinha, patê de choriço e berinjela.

Há ainda aquelas mães que querem aproveitar o segundo domingo de maio para comer um bom churrasco. Dentre as opções, o restaurante Barbacoa manterá o menu Day Off que oferece, por R$ 96,90 por pessoa, buffet livre de saladas, um grelhado acompanhado de uma guarnição, além de sobremesa. Entre os cortes mais procurados estão o Bife de Tira, Bife de Chorizo e o Filet Mignon, além de opçõe de suíno, frango e salmão.

Bife de Tira com cebola assada do Barbacoa
(Foto: Rafael Wainberg)

Sobremesa grátis
E como ninguém é de ferro e domingo é dia de sair da dieta, alguns restaurantes da cidade irão oferecer sobremesas e outros mimos que adoçam a vida no Dia das Mães. A casa de massas Pasta em Casa distribuirá mini pães de ló para as mamães, cuja a receita é da avó do chef Celso Vieira.

No restaurante Madero, que funciona nos shoppings Salvador e Barra, na compra de um prato principal a mãe que apresentar o post premiado que está disponível nas redes sociais do estabelecimento, ganhará um Petit Gâteau de Doce de Leite com sorvete artesanal de vanilla e calda de frutas vermelhas.

Muita procura, apesar da crise
Pelo visto, muitas famílias irão mesmo comemorar o Dia das Mães fora de casa. De acordo com o presidente executivo da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) na Bahia, Luiz Henrique do Amaral, a data é a segunda mais importante para o ramo de Alimentos & Bebidas no ano, perdendo apenas para o Dia dos Namorados.

Segundo Amaral, a expectativa é que haja um crescimento de 30% no movimento neste domingo, número bastante significativo sobretudo em virtude do atual cenário econômico do país. "É algo que precisamos comemorar porque praticamente não tivemos redução quando comparamos com o ano de 2016. O Dia das Mães é um dia muito significativo e as pessoas acabam dando um jeito para fazer a comemoração acontecer", disse.

A previsão da Abrasel se confirma com a agenda já praticamente lotada de muitos estabelecimentos. Um dos sócios do restaurante Casa Di Vina comemora o grande número de mesas confirmadas. De acordo com Stefano Bof, mais de 130 reservas já foram feitas. "Fiquei muito feliz com a procura, e as mesas são sempre para muitas pessoas", disse Bof.

Com um menu eclético, o restaurante localizado na casa onde morou o poeta Vinícius de Moraes, em Itapuã, serve massas, risotos, mas tem as moquecas como principal atrativo da casa. "Nossas moquecas são muito procuradas. Muitos turistas e mesmos as pessoas daqui vêm comer geralmente voltam", afirmou Bof. O restaurante funcionará domingo das 12h às 22h.

O chef do Amado, Edinho Engel, também terá um domingo da mães de bastante trabalho. Segundo ele, mais de 160 reservas já foram feitas e o restaurante do bairro do Comércio será tomado pelo clima família no domingo. "Teremos muito movimento, mas lá é sempre assim nos dias das mães", disse Engel.

Quem quiser jantar com as mães poderão fazer uma reserva no Alfredo di Roma, em Ondina, que trará como prato especial o Fettuccine Alfredo, preparado no queijo Parmigiano-Reggiano. O restaurante funcionará das 19h às 23h e também abrirá para almoço, das 12h às 16h, mas sem fazer reservas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas