Neymar elogia nova geração e mira Copa de 2022: 'Muito otimista'

esportes
05.02.2020, 13:16:00
Atualizado: 05.02.2020, 13:16:30
Neymar disputou duas Copas do Mundo pela seleção brasileira (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Neymar elogia nova geração e mira Copa de 2022: 'Muito otimista'

Atacante elogiou os jovens Everton Cebolinha, Richarlison, Vinicius Junior e Rodrygo

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Faltam ainda dois anos para a Copa do Mundo do Catar. Mas Neymar já projeta o sucesso da seleção brasileira em 2022. Em entrevista ao site da Fifa, o atacante mostrou otimismo quanto ao futuro e fez elogios à geração que vem chegando à seleção nos últimos anos. 

Neymar diz acreditar que a seleção chegará em grandes condições à futura Copa e está otimista por ver que o Brasil reúne, no momento, jogadores mais experientes e jovens apostas do técnico Tite, como Everton Cebolinha, Richarlison, Vinicius Junior e Rodrygo.

"Estamos muito fortes. O elenco está mais experiente, mesmo contando com jovens jogadores. Temos jogadores que já disputaram duas Copas do Mundo, como eu, por exemplo. Ganhamos, perdemos, tivemos muitas experiências positivas e negativas. E podemos ajudar os mais jovens com a nossa experiência", afirmou.

O atacante também exaltou a permanência de Tite à frente da seleção. "A comissão técnica, ao contrário dos últimos anos, foi mantida. Esta continuidade vai facilitar o nosso trabalho e aumentar nossas chances [na Copa", comentou.

Neymar acredita que mais jovens apostas vão surgir na seleção até o Mundial de 2022. "Todos eles são muito talentosos. E você pode esperar que, até 2022, outros vão aparecer. O Brasil tem uma impressionante habilidade de descobrir talentos." Na sua opinião, os maiores rivais do Brasil na futura Copa serão a França, atual campeão, Bélgica, algoz do Brasil no Mundial da Rússia, Inglaterra e Argentina.

Pela seleção brasileira, Neymar disputou 101 jogos. O primeiro deles, em 2010 - um amistoso contra os EUA que o Brasil venceu por 2x0. O atacante tem 61 gols e anotou outras 41 assistências com a amarelinha. Em seu currículo pela equipe nacional, Neymar tem apenas a Copa das Confederações de 2013, disputada no próprio Brasil.

Neymar é o terceiro maior artilheiro da história da seleção brasileira. O atacante do PSG está a apenas um gol de se igualar a Ronaldo Fenômeno, segundo da lista com 62 gols. O líder do ranking é Pelé, que marcou 77 gols em 92 jogos pela seleção.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas