Pacheco afirma que não mexerá "um milímetro" para impedir CPI da covid-19

coronavírus
09.04.2021, 17:14:59
Atualizado: 09.04.2021, 17:50:03
(Marcos Oliveira/Agência Senado)

Pacheco afirma que não mexerá "um milímetro" para impedir CPI da covid-19

Presidente do Senado também foi crítico em relação à postura negacionista do presidente Jair Bolsonaro

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM), afirmou que não mexerá “um milímetro” para impedir a atuação da CPI da covid-19. No entanto, o parlamentar ressaltou que é contrário à sua instalação neste momento.

“Uma vez instalada, vou permitir todas as condições [para] que funcione bem e chegue as conclusões necessárias”, afirmou Pacheco em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo.

O senador mineiro também foi crítico em relação à postura negacionista do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), afirmando que o chefe do Executivo "não contribui" quando adota estes posicionamentos. Ele também negou que o Congresso esteja sendo omisso em relação à atuação do governo federal na pandemia.

“Para bom entendedor, um pingo é letra. Quando ele [Bolsonaro] prega qualquer tipo de negacionismo, eu vou criticar o negacionismo e, consequentemente, estou criticando a fala dele", disse.


 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas