Palmeiras é tri: veja ranking dos campeões da Libertadores atualizado

esportes
27.11.2021, 19:55:00
O troféu da Libertadores antes da decisão no estádio Centenário de Montevidéu (Conmebol/Divulgação)

Palmeiras é tri: veja ranking dos campeões da Libertadores atualizado

Time paulista se iguala a Santos, São Paulo e Grêmio como recordistas brasileiros

O ranking dos campeões da Copa Libertadores está atualizado e com mais um time brasileiro tricampeão. É o Palmeiras, que superou o Flamengo por 2x1 na prorrogação, neste sábado (27), na final disputada em jogo único no estádio Centenário, em Montevidéu.

Com isso, o time paulista se junta a Santos, São Paulo e Grêmio entre os recordistas de títulos no país. O Independiente, da Argentina, com sete taças, ainda encabeça a lista. Veja a seguir o ranking com todos os campeões do principal torneio da América do Sul:

Lista dos campeões da Libertadores:

Independiente-ARG: 7 (1964, 1965, 1972, 1973, 1974, 1975 e 1984)
Boca Juniors-ARG: 6 (1977, 1978, 2000, 2001, 2003 e 2007)
Penãrol-URU: 5 (1960, 1961, 1966, 1982 e 1987)
Estudiantes-ARG: 4 (1968, 1969, 1970 e 2009)
River Plate-ARG: 4 (1986, 1996, 2015 e 2018)
Palmeiras: 3 (1999, 2020 e 2021)
Grêmio: 3 (1983, 1995 e 2017)
Santos: 3 (1962 , 1963 e 2011)
São Paulo: 3 (1992, 1993 e 2005)

Olímpia-PAR: 3 (1979, 1990 e 2002)
Nacional-URU: 3 (1971, 1980 e 1988)
Flamengo: 2 (1981 e 2019)
Internacional: 2 (2006 e 2010)
Cruzeiro: 2 (1976 e 1997)

Atlético Nacional-COL: 2 (1989 e 2016)
Atlético Mineiro: 1 (2013)
Corinthians: 1 (2012)
Vasco: 1 (1998)

San Lorenzo-ARG: 1 (2014)
LDU Quito-EQU: 1 (2008)
Once Caldas-COL: 1 (2004)
Vélez Sarsfield-ARG: 1 (1994)
Colo-Colo-CHI: 1 (1991)
Argentinos Juniors-ARG: 1 (1985)
Racing-ARG: 1 (1967)

Títulos por país:

Argentina: 25
Brasil: 21
Uruguai: 8
Colômbia: 3
Paraguai: 3
Chile: 1
Equador: 1

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas