Palmeiras negocia empréstimo de Deyverson ao Alavés, da Espanha

esportes
14.08.2020, 15:45:00
(Foto: Cesar Greco/SE Palmeiras)

Palmeiras negocia empréstimo de Deyverson ao Alavés, da Espanha

Desde que retornou do Getafe, atacante não foi reintegrado à equipe do Verdão

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O atacante Deyverson, do Palmeiras, deve retornar ao futebol espanhol. A diretoria alviverde negocia emprestá-lo por um ano ao Alavés. Desde que saiu do Getafe e retornou ao Brasil, sua reintegração à equipe do técnico Vanderlei Luxemburgo não ocorreu. Ele treina em horário distinto dos demais jogadores e está disposto a sair novamente.

Deyverson já defendeu o Alavés por empréstimo. Na ocasião, ele marcou 7 gols e deu uma assistência em 32 partidas. Esses números chamaram a atenção do Palmeiras, que decidiu investir em sua contratação, em 2017. Ele foi contratado por 5 milhões de euros (R$ 18 milhões na cotação atual).

No clube alviverde, o atacante manteve a sua média de gols. Ele disputou 105 partidas e balançou as redes adversárias 25 vezes. Seu contrato com o Palmeiras se estende até o final de 2022, mas a equipe não pretende utilizá-lo.

No início do ano, Deyverson foi emprestado ao Getafe. Seu contrato incluía uma cláusula de compra obrigatória, caso cumprisse determinadas metas. A pandemia do novo coronavírus, contudo, atrapalhou o desempenho do jogador, que não atingiu os objetivos e voltou ao Palmeiras.

Quem também não está nos planos do clube alviverde é o meia venezuelano Guerra, que, assim como Deyverson, treina separado dos demais jogadores. Além dele, o Palmeiras busca interessados pelo lateral-direito Fabiano, que estava no Boavista, de Portugal.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas