Palmeiras perde do Tigres e é eliminado na semifinal do Mundial

esportes
07.02.2021, 17:15:00
Atualizado: 07.02.2021, 17:59:24
Gignac marcou o único gol da partida na vitória do Tigres sobre o Palmeiras (Foto: Karim Jaafar/AFP)

Palmeiras perde do Tigres e é eliminado na semifinal do Mundial

Gignac marcou de pênalti e garantiu a vitória dos mexicanos sobre os brasileiros

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O sonho palmeirense do Mundial de Clubes acabou - e de forma precoce. Neste domingo (7), o Verdão teve um desempenho abaixo do esperado e foi derrotado por 1x0 pelo Tigres, do México, no estádio Education City, em Doha (Catar), na semifinal do torneio da Fifa. O francês Gignac foi o autor do único gol do jogo, em cobrança de pênalti no início do segundo tempo.

Com o resultado, o Verdão irá disputar o terceiro lugar na próxima quinta-feira (11), às 12h. O adversário será o perdedor da partida entre Bayern de Munique e Al Ahly, do Egito, que acontece nesta segunda-feira (8), às 15h. O ganhador desse jogo, por sua vez, enfrentará o Tigres na decisão, também na quinta, às 15h.

Essa é a terceira vez que um time brasileiro cai na semi do Mundial. A primeira aconteceu em 2010, quando o Internacional perdeu por 2x0 para o Mazembe, do Congo. Já em 2013, foi a vez do Atlético-MG sofrer com a zebra e se despedir cedo do torneio após ser derrotado pelo Raja Casablanca, do Marrocos, por 3x1.

Outros sul-americanos que não chegaram à final foram o Atlético Nacional de Medellín, da Colômbia, em 2016, quando caiu para o Kashima Antlers, do Japão, e o River Plate, da Argentina, em 2018, quando foi eliminado pelo Al Ain, dos Emirados Árabes.

Desde 2012, quando o Corinthians faturou o título após bater o Chelsea por 1x0, nenhum campeão da Libertadores venceu o Mundial. Em 2014, o San Lorenzo, da Argentina, levou 2x0 do Real Madrid. Em 2015, o River Plate caiu para o Barcelona por 3x0. Em 2017, o Grêmio foi derrotado pelo Real por 1x0. E, em 2019, o Flamengo viu o titulo ficar com o Liverpool, por 1x0.

O Tigres, por outro lado, se tornou o primeiro time do México a se classificar para a final do Mundial. 

O jogo
O Palmeiras demorou para se achar na partida. Durante a etapa inicial, o destaque do Verdão foi o goleiro Weverton, com três ótimas defesas. A primeira aconteceu logo aos 3 minutos: González subiu mais que Luan e cabeceou com força, mas o camisa 1 voou e defendeu. 

Aos poucos, o time brasileiro foi se soltando e chegou a ter mais posse de bola em alguns momentos do primeiro tempo, mas finalizava pouco. 

Aos 33, Weverton apareceu mais uma vez, quando Gignac recebeu dentro da área e chutou cruzado. Três minutos depois, mais uma grande defesa do goleiro, em cabeçada perigosa do atacante francês.

O Tigres voltou melhor para o segundo tempo e conseguiu o gol logo no início da etapa. Aos seis minutos, González recebeu passe de Rodríguez dentro da área e foi puxado por Luan. O árbitro viu e marcou o pênalti. Gignac cobrou com força e Weverton, mesmo acertando o canto do chute, não conseguiu defender.

Atrás no placar, o técnico Abel Ferreira promoveu as entradas de Felipe Melo e Patrick de Paula. Aos 11 minutos, Rony balançou as redes, mas o gol foi anulado por impedimento. Willian, Mayke e Scarpa também entraram, mas o Palmeiras demonstrava nervosismo. Nos minutos finais, o Verdão intensificou a pressão, mas o gol não veio.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas