Paulinho da Viola faz as honras da casa

entretenimento
28.11.2020, 07:00:00
Paulinho da Viola lançou o álbum Sempre se Pode Sonhar no início do mês (Foto: Marco Froner/divulgação)

Paulinho da Viola faz as honras da casa

Sambista realiza a primeira live neste sábado (28), com transmissão no Globoplay

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Não vamos dizer que era a live que faltava, pois Maria Bethânia ainda não fez a dela. Mas  no quesito artistas que amamos e lives que não esperávamos, a de Paulinho da Viola, neste sábado (28), foi a boa notícia para encerrar a semana. O cantor e compositor carioca, que completou 78 anos no último dia 12, faz uma live exclusiva no Globoplay, a partir das 22h. E o melhor é que  o sinal estará aberto para não assinantes, mediante cadastro

"Minha expectativa é de que essa live pos sa chegar a um número maior de pessoas que não tiveram a oportunidade de assistir  aos meus shows, e que elas possam recebê-la com alegria nesse momento tão difícil que estamos passando.

Com direção geral de LP Simonetti, a apresentação acontece do espaço Cidade das Artes, no Rio, com presença apenas dos músicos e da equipe técnica.  O mestre do samba promete uma síntese de seus 56 anos de carreira, passeando por clássicos como Pecado Capital, Coração Leviano, Foi um Rio que Passou em Minha Vida e Bebadosamba.  “Ouvindo algumas pessoas, decidi fazer uma síntese dos grandes sucessos da minha carreira, das músicas mais conhecidas e uma ou outra não tão conhecida”, adianta. 
 
Esta é uma oportunidade de matar saudades do samba elegante de Paulinho da Viola, que está isolado desde o começo da quarentena. “Aproveitei pra fazer uma série de coisas pendentes na minha vida particular, como ler mais, ouvir mais músicas e até compor também”, conta o artista, que no início do mês lançou o álbum Sempre se Pode Sonhar (Sony Music), registro de uma temporada realizada em 2006, no Teatro Fecap, em São Paulo. 

paulinho

Preservado nos arquivos do artista, o disco traz 22 canções gravadas ao vivo, incluindo a inédita e autoral Ela Sabe Quem eu Sou, que define como uma canção que se aproxima do samba sincopado da  bossa nova. O álbum traz canções marcantes como Talismã, Nervos de Aço e Coração Leviano. 

E um bloco instrumental formado pelos clássicos  Cochichando  e 1x0, de Pinxiguinha, Vibrações, de Jacob do Bandolim, além de dois choros de Paulinho, um com Cristovão Bastos (Um Choro pro Waldir) e o outro com Mario Sève (Vou me Embora pra Roça), respectivamente o pianista e o flautista/saxofonista de seu Conjunto. De Cartola, que ele considera sua maior influência, tem Fiz por Você o que Pude, canção gravada no disco No Tom da Mangueira, de 1991. 

A ideia de lançar o registro acabou ficando na prateleira por 14 anos, pois em 2007 Paulinho lançou o Acústico MTV e emendou com uma longa turnê. Agora, nestas reviões possíveis pela pandemia, ele felizmente vem à tona.  Neste sábado, às 22h, no Globoplay, que estará com sinal aberto.


Domingo no TCA exibe concerto da Orkestra Rumpilezz

O projeto Domingo no TCA mata saudades do público com uma apresentação neste domingo 29), às 11h, de concerto de Letieres Leite & Orkestra Rumpilez, no canal do YouTube do TCA. A apresentação é  o registro em vídeo de um concerto realizado na Filadélfia, no Temple University Performing Arts Center, em agosto de 2015, quando  o público americano presenciou, pela primeira vez, a performance do grupo. A big band instrumental de percussão e sopro, com seus 20 integrantes, juntou-se ao pianista e compositor de jazz afro-cubano Arturo O’Farrill e ao trompetista e compositor  Steven Bernstein na noite inesquecível. O show fica disponível até 20/12, em https://youtu.be/p64_B6ps7-Q .

rumpilezz
Orkestra Rumpilezz em show na Filadélfia (Foto: Felipe Cartaxo/divulgação)


Três clipes para levantar o astral  

Gaby Amarantos

A cantora Gaby Amarantos manda notícias com o single Vênus em Escorpião, que pode ser ouvido nas plataformas digitais e visto em seu canal no YouTube. Produzido por Jaloo, trabalho traz dois convidados ilustres, Ney Matogrosso e Urias. “Achei que a música tem a energia de Urias e sou fã do Ney. Fico muito feliz em ver 3 gerações da música nessa canção”, afirma Gabi. 


felipe

Felipe Cordeiro e Márcio Victor

Pará e Bahia Esta é pra quem gosta de dançar. O paraense Felipe Cordeiro junta sua música dançante e cheia de  de swing com a quebradeira da banda Psirico. Ele e Márcio Victor estão juntos  no single Foguinho, lançado nas plataformas digitais. Foguinho é uma composição de Felipe Cordeiro, em parceria com Patricktor4, que também assina a direção musical, e produção musical de Leo D. A música é uma explosão tem graves poderosos e um arranjo direcionado para pistas de dança,  soando no meio caminho entre o reggaeton e a guitarrada. https://www.youtube.com/watch?v=0n3cLG5Nkp4


25 Anos de Samba Pras Moças

A Universal Music lançou nas plataformas digitais o álbum Samba Pras Moças, uma das pérolas da discografia de Zeca Pagodinho, que foi apresentado em 1995, há  25 anos. O disco ganhou nova mixagem de Flávio Senna, mesmo engenheiro de som do projeto original. E a faixa Vou Botar teu Nome na Macumba, primeira parceria de Zeca Pagodinho e Dudu Nobre, ganhou vídeo lyric. Com 13 canções, em sua maioria produzidas pelo mestre Rildo Hora, o álbum abre com a faixa-título, composta por Roque Ferreira e Grazielle e traz outros hits como Brincadeira Tem Hora  (Zeca Pagodinho / Beto sem Braço)  e Quando eu Contar (Iaiá) (Serginho Meriti / Beto sem Braço). https://youtu.be/p64_B6ps7-Q .


zeca



***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas