Pelo Brasileirão, Palmeiras e Corinthians empatam no Pacaembu

esportes
09.11.2019, 21:10:57
Atualizado: 09.11.2019, 21:14:48
Dudu e Gil disputam a bola no clássico paulista (Gil Guzzo/ Estadão Conteúdo)

Pelo Brasileirão, Palmeiras e Corinthians empatam no Pacaembu

Os dois gols da partida foram marcados nos acréscimos do 2º tempo

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Palmeiras e Corinthians entraram em campo na noite deste sábado (9) com objetivos bem definidos. Enquanto o alviverde queria encostar no líder Flamengo, o alvinegro tentava o triunfo para seguir firme no G6. No fim, empate em 1x1, com os dois gols nos acréscimos do 2º tempo. 

No primeiro tempo, um jogo morno, truncado, com poucas chances para os dois lados. Logo com dois minutos, Júnior Urso lançou Boselli na área e ele mandou de cabeça para Weverton defender com facilidade. 

Aos 10, foi a vez dos donos da casa responderem. Dudu carregou pela intermediária e mandou uma bomba de fora da área, só que a bola passou ao lado do gol de Walter. 

Dali pra frente, o jogo esfriou e só foi esquentar aos 30, quando Boselli recebeu cruzamento, ajeitou para Pedrinho e o meia atacante chutou da entrada da área, só que a bola desviou em Gómez para a sorte palmeirense. 

Aí o Palmeiras voltou a acordar e teve a melhor chance da primeira etapa, mais uma vez em bela jogada de Dudu, que encontrou Gustavo Scarpa livre pela direita. O chute rasteiro do meio-campista passou muito perto da trave. 

Gols no fim
Na volta do intervalo, o Palmeiras veio disposto a abrir o placar. Aos 31, o juiz marcou pênalti quando a bola bateu na mão de Manoel. Gustavo Scarpa teve chance de ouro e foi para a cobrança, mas Walter pegou. 

No fim do jogo, emoção. Aos 46 Michel abriu o placar para os visitantes com um golaço de fora da área. Só que aos 48 Bruno Henrique aproveitou a sobra de dentro da área e chutou forte para empatar o clássico. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas