Pesquisa mostra que a Bahia é o estado com pior desenvolvimento

bahia
01.06.2014, 08:09:00
Atualizado: 01.06.2014, 08:17:45

Pesquisa mostra que a Bahia é o estado com pior desenvolvimento

Entre as 500 piores cidades do país, 182 são da Bahia, sendo que entre as 10 últimas do ranking estão Caatiba (7º) e Novo Triunfo (8º)

Os números são bastantes positivos: em um ano, 76% das cidades da Bahia melhoraram em saúde, educação e emprego. A alta no desenvolvimento foi puxada principalmente pelo aumento do número de professores com curso superior e avanços no acompanhamento de gestantes.

Ainda assim, a Bahia ainda tem muito a percorrer: entre as 500 piores cidades do país, 182 (43%) são do estado, sendo que entre as dez últimas do ranking estão Caatiba (7ª) e Novo Triunfo (8ª).

Os dados fazem parte do Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM), uma pesquisa realizada anualmente pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan). Em sua sétima edição, a IFDM tem como base os dados de 2011. Também nesse ano a pesquisa mudou sua metodologia para aproximá-la de estudos de mesmo teor desenvolvidos pelo mundo.

Para desenvolver as estatísticas, a Firjan utiliza informações fornecidas pelos Ministérios da Fazenda, Saúde e Educação, que repassam os dados de cada prefeitura. Por isso a pesquisa alcança todos os 5.565 municípios brasileiros. 

Resultados
Para avaliar se uma cidade cresceu, melhorou ou piorou de um ano para outro, a Firjan analisa três áreas: saúde, educação e emprego e renda. 

O índice varia em uma escala de 0 a 1, sendo que, quanto mais próximo do 1, maior o desenvolvimento, que é dividido em quatro classificações. De 0,0 a 0,4 é baixo. De 0,4 a 0,6 é regular. Entre 0,6 e 0,8 é moderado e, entre 0,8 e 1 é alto.

Na Bahia, o desenvolvimento regular em 2011  foi 3% a mais que no ano anterior. O número de cidades com baixo avanço caiu de 19,4% para 11% e o crescimento moderado subiu de 6,5% para 10,1%. A má notícia é que não há nenhuma cidade do estado com desenvolvimento alto.

Emprego e renda
Para saber como anda o mercado de trabalho em uma cidade, a Firjan analisa quantos empregos formais foram gerados, o aproveitamento da mão de obra local, a geração de renda, os salários médios e a desigualdade. 

As cidades baianas que apresentaram os melhores resultados em 2011, com nota superior a 0,8, foram Camaçari, Lauro de Freitas, Luis Eduardo Magalhães e Simões Filho, com destaque para Ibirapuã, que saltou do 30º lugar para a sexta posição no ranking de maiores IFDMs do estado.

“A chegada da agroindústria do laticínio e de usinas de álcool aumentou a oferta de empregos. Outro elemento que colaborou foi a ampliação do acesso à educação com a chegada de faculdades na região, facilitado pelo Prouni e Fies”, conta Renata Barros, chefe de gabinete de prefeitura de Ibirapuã.

Por outro lado, Feira de Santana apresentou queda expressiva, de 3º para 10º lugar. Já a cidade com pior desenvolvimento em geração de emprego e renda da Bahia é Rio de Contas (na Chapada Diamantina), com 0,1635 de nota. Em uma visão mais ampla, A Bahia sofreu com o desaquecimento da economia do país, e o reflexo foi uma diminuição de geração de emprego de 50,5%.

Saúde
Na área de saúde, Salinas da Margarida é a única com alto desenvolvimento no estado: 0,8043. “Agora tem ‘meio mundo’ de médico no hospital. Tem dermatologista, ginecologista, tem até médico de varizes, e antes não era assim. Não dá mesmo para reclamar porque em Salvador é bem pior”, diz Eliana Silva, que há 22 anos saiu da capital e hoje trabalha em uma pousada na cidade.

Em 2011, 71,9% dos municípios registraram crescimento nesse setor. O  aumento de consultas pré-natais por nascidos vivos foi ainda maior, de 81,3%. 

Várzea do Poço, na região de Jacobina, é o município que mais evoluiu entre 2010 e 2011: 42,1%, impulsionada pela alta na saúde. “Com a chegada de profissionais do Mais Médico e unidades de atendimento básico, melhorou muito. 

De resto, continua tudo ruim. Tanto que a cidade tem 50 anos e a população não sai dos 8 mil habitantes, porque os jovens, assim que se formam,  vão buscar emprego em outro lugar”, diz José Santos de Oliveira, conselheiro tutelar.

A cidade com pior índice de saúde é Itambé, no Sudoeste. “A Santa Casa de Misericórdia vive em dificuldades, com falta de profissionais. O próprio diretor precisa dar plantão”, conta Reginaldo Spinola, dono de um blog de notícias da região. 

Educação
Na Bahia, a educação foi área que mais evoluiu em relação a 2010. Das 417 cidades baianas, 87,3% mostraram índices melhores, impulsionadas, principalmente, pelo aumento do percentual de professores com ensino superior, que cresceu 82%. 

Mesmo assim, apenas 24,5% apresentaram desenvolvimento moderado, enquanto 71,2% ainda têm desenvolvimento regular e 28,3% com baixo desenvolvimento. Nenhuma cidade registrou desenvolvimento alto no IFDM 2014.  

O município com melhor índice é Amélia Rodrigues, na  Região Metropolitana de Feira de Santana - com a maior nota desde a criação do IFDM, 0,7481.

Na outra ponta aparece Caatiba, no Sudoeste, com índice em 0,2788. A Secretaria da Educação do munícipio, no entanto, afirma que a cidade “não está em mil maravilhas”, mas que tem resultados melhores que de cidades vizinhas, com salas de informática e número  adequado de alunos por turma. 

“Seriam necessários 13 anos de estagnação dos estados do Sul e Sudeste para que a Bahia alcançasse os índices registrados por eles”, diz Jonathas Goulart, pesquisador da Firjan. O jeito, então, é correr.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/reporter-da-globo-agradece-devolucao-de-celular-no-bonfim-obrigado-e-pouco/
Filho de Gandhy recuperou aparelho que seria levado durante a Lavagem
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cantor-sertanejo-marciano-morre-aos-67-anos/
Segundo o filho, ele sofreu um infarto fulminante nesta madrugada
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/voltar-e-um-presente-diz-criolo-sobre-show-em-salvador-nesta-sexta/
Rapper paulista apresenta turnê Boca de Lobo, inédita na cidade
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/o-assassino-e-alguem-proximo-diz-pai-de-crianca-encontrada-morta-em-alto-de-coutos/
Corpo de menina de 10 anos foi encontrado com blusa suspensa e short na altura da virilha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/fotografo-grava-o-proprio-assalto-durante-lavagem-do-bonfim-assista/
Profissional estava testando a tecnologia 360° quando foi atacado; ele teve três dedos da mão quebrados
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/unbreakable-kimmy-schmidt-netflix-divulga-trailer-da-ultima-temporada/
Episódios estarão disponíveis a partir de 25 de janeiro
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sexualizacao-de-mc-melody-vira-assunto-em-canais-de-youtubers-gringos/
Felipe Neto também se pronunciou sobre a situação e resolveu baní-la de seu canal
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/lider-de-quadrilha-que-executou-cabo-gonzaga-e-morto-em-operacao-da-policia/