Polícia recaptura foragido de presídio de segurança máxima da Mata Escura

salvador
04.04.2017, 09:38:00
Atualizado: 04.04.2017, 09:55:33

Polícia recaptura foragido de presídio de segurança máxima da Mata Escura

Conhecido como 'Dentinho', homem foi preso em Simões Filho

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Dentinho: recapturado (Foto: Divulgação/SSP)

Na noite desta segunda-feira (3), a polícia recapturou Ivanildo Bispo dos Santos, 26 anos, o Dentinho. Ele é um dos 25 presos que fugiram da Unidade Especial Disciplinar (UED). Dentinho foi recapturado em Simões Filho pela equipe da 22ª Delegacia, do delegado Ciro Palmeira. Ele já era condenado a quatro anos e meio de prisão e foi reconduzido ao presídio. Essa não foi a primeira vez que a UED registrou fuga. Em 2015, um grupo de 20 homens conseguiu fugir de lá. Quem tiver informações sobre o paradeiro dos presos pode ajudar a polícia através do (71) 3235-0000 ou 181. O sigilo é garantido.

Alem de Ivanildo, fugiram Alex Santos Hamburgo, Cláudio Santos de Jesus, Flávio Bastos Carneiro, Hamilton Rodrigues dos Santos, Jackson Santana de Jesus, João Cleison Mota Carvalho, Lucas Santos de Almeida - o Mata Rindo -, Luciano Alves de Jesus Silva, Marcos Aurélio Soares Teles, Moisés Luis Souza Araújo, Romilson Santos de Almeida, Carlos Alexandre de Jesus Anjos, Cassio Andre Bastos de Souza, Davidson Barbosa da Silva Reis, Edson Paulo de Jesus - o Girino -, Eduardo Nery dos Santos, Egberto Lima Santos Filho, Elisandro do Santos Paixão, Eriberto Souza Machado, Jackson Merces Correia, Joanderson Conceição Santos, Lones Ferreira da Costa, Solon Vieira de Carvalho e Wellington de Jesus dos Santos. 

Buscas e fuga
A polícia está a procura dos demais 24 detentos. A unidade é de segurança máxima e é onde estão encarcerados os presos mais perigosos do estado. Ela funciona dentro do Complexo Penitenciário da Mata Escura. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), os internos estavam no pátio para o banho de sol quando escaparam. Em nota, a instituição contou que a fuga aconteceu na Galeria C e os bandidos “violaram três barreiras perimetrais para conseguir fugir da unidade” – a secretaria não explicou se eles serraram as grades ou fizeram buracos nos muros.

“A direção da unidade já identificou  os foragidos e contará com a ajuda da Polícia Civil e Militar para recapturá-los”, diz o comunicado. Ainda segundo a Seap, a chuva forte ajudou a dificultar a percepção da fuga e os presos aproveitaram a movimentação por conta do mau tempo para escapar.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas