Presidente do Flu garante Marcão como técnico até fim do ano

esportes
21.11.2019, 18:15:05
Atualizado: 21.11.2019, 18:20:27
(Foto: Lucas Merçon/AFP)

Presidente do Flu garante Marcão como técnico até fim do ano

Mario Bittencourt ainda anunciou afastamento de Celso Barros

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O dia do Fluminense foi agitado nesta quinta-feira (21) no CT Carlos Castilho, na zona oeste do Rio de Janeiro. O presidente do clube, Mario Bittencourt, concedeu uma entrevista coletiva para anunciar o afastamento do vice-presidente Celso Barros e também para assegurar que Marcão será o técnico do time até o final do Campeonato Brasileiro.

Bittencourt explicou que a decisão de afastar Celso Barros da vice-presidência se deu porque ele expôs para os torcedores e imprensa a guerra interna que o clube vive. O estopim foi há cerca de 15 dias, quando o dirigente revelou que era a favor da demissão de Marcão, que havia sido efetivado depois da demissão de Oswaldo de Oliveira.

"O que eu informei é que até o final do campeonato esse afastamento seguirá. No final do ano, a gente conversa. Ele é vice-presidente eleito, isso é indiscutível. Dei as atribuições de vice de futebol, mas a partir de hoje (quinta-feira) estou assumindo. Serei também vice de futebol nessas últimas cinco rodadas. No final do ano, teremos uma conversa para saber como vai ser", disse Bittencourt.

Sobre Marcão, auxiliar do Fluminense desde 2014, o presidente assegurou que nada mudará até o final da temporada. "Estou afirmando para vocês que ele vai até o final. Já disse para ele. E o motivo é a avaliação criteriosa que fazemos dentro do departamento. O resto é querer tumultuar o ambiente, que treinador foi oferecido, procuramos... Eu não trabalho para fora, trabalho para dentro" afirmou.

"A gente escolher um cristo, seja o Marcão ou outro, seria uma injustiça. É um conjunto de fatores. O resultado se traduz por esse conjunto de fatores. Ele é o nosso técnico e será até o final do campeonato", acrescentou o presidente.

O Fluminense é o primeiro clube dentro da zona de rebaixamento com 35 pontos e vive uma situação delicada no Brasileirão. Mas está apenas um ponto atrás de Cruzeiro e Ceará, ambos fora da degola. Nesta segunda-feira (25), o time tem confronto decisivo contra o CSA, em Maceió.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas