Quinze agentes de trânsito de Salvador foram agredidos em quatro meses

salvador
02.05.2018, 07:41:00
Atualizado: 02.05.2018, 16:23:38

Quinze agentes de trânsito de Salvador foram agredidos em quatro meses

Categoria realiza protesto na manhã desta quarta-feira (2)

Os agentes de trânsito de Salvador se reúnem em assembleia nesta quarta-feira (2),a partir das 8h, no pátio da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) para discutir medidas que possam evitar agressões contra a categoria. Segundo a Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (Astram), 15 profissionais já foram agredidos na capital baiana neste ano. Em 2017, foram contabilizadas 40 agressões. 

“As ameaças verbais e pelas redes sociais são algo constante, só que as agressões físicas estão se tornando diárias e não podemos esperar o pior acontecer. Na sexta, uma motorista jogou tinta no rosto e no corpo de um agente de trânsito, no bairro de Nazaré; e na segunda, um condutor estacionado irregularmente numa vaga para idosos agrediu com socos um agente de trânsito de 64 anos”, disse André Camilo, presidente da Astram.

Agentes estão no pátio da Transalvador em assembleia 
Foto: Mauro Akin Nassor/CORREIO

A categoria afirmou que, após a assembleia, por volta das 10h, seguirá em caminhada pelo Centro da cidade até a Câmara Municipal de Salvador.  Entre as agressões contra agentes, duas ocorreram entre a última sexta-feira (27) e segunda-feira (30). Raílson Cruz,  64 anos, levou um soco na boca e pontapés de um motorista que foi multado, na segunda-feira, porque estacionou o carro irregularmente em uma vaga para deficientes dentro de um supermercado, na Avenida ACM.

Agente foi agredido por motorista em supermercado 
(Foto: Divulgação/Astram)

Já no caso da sexta-feira, o agente Roque Barbosa foi atingido com tinta jogada por uma motorista insatisfeita por ter sido multada. Roque ainda está com as marcas das queimaduras que sofreu por conta da tinta.