Racing Point lança modelo RP20 e quer recuperar terreno na F-1

esportes
17.02.2020, 18:32:00
(Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Racing Point lança modelo RP20 e quer recuperar terreno na F-1

Carro será pilotado por Sergio Pérez e Lance Stroll

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Racing Point quer recuperar o terreno perdido na última temporada da Fórmula 1 e, para isso, apresentou nesta segunda-feira (17) o modelo RP20. Após se consolidar como melhor equipe do pelota intermediário da categoria ainda com o nome de Force India, os ingleses terminaram na sétima colocação, atrás de McLaren, Renault e Toro Rosso.

"Nós queremos ficar mais perto do que nunca do Top 3 (Mercedes, Ferrari e Red Bull), queremos liderar o pelotão intermediário. Ano passado foi um pouco difícil e terminamos em sétimo, na parte de trás deste pelotão, mas esse ano queremos dar um passo adiante e ficar onde costumamos estar. Para isso, houve muito desenvolvimento ao longo das férias", afirmou Otmar Szafnauer, diretor executivo e chefe da equipe.

A principal novidade do RP20 é o bico, que está mais estreito. O carro continua predominantemente na cor rosa - deve ser o último ano, já que a Aston Martin vai assumir em 2021. Os pilotos serão novamente o mexicano Sergio Pérez e o canadense Lance Stroll, filho de Lawrence Stroll, proprietário da Racing Point.

"Nós somos um pouco egoístas e temos como objetivo pontuar mais que os nossos concorrentes. E para atingir o que colocamos como meta deste ano, precisamos deixar os pilotos em condições de terminar todas as provas na zona de pontuação", continuou Otmar Szafnauer, que também elogiou os adversários.

Para o chefe de equipe da Racing Point, todos se movimentaram no período de férias para terem uma melhor temporada.

"As outras equipes estão mais fortes, a McLaren fez um ótimo trabalho em 2019, a Renault tem toda a montadora por trás e até mesmo a Toro Rosso, com a melhoria do motor Honda. Mas estou confiante que, com todo o trabalho feito nas férias, com a força do motor Mercedes, e o trabalho feito pelos pilotos nesses meses, é possível atingir o objetivo", discursou.

A Racing Point foi a nona equipe a revelar o carro para a temporada de 2020. Nesta segunda-feira (17), mais cedo, a Williams havia feito o mesmo. A expectativa é que no primeiro dia de testes da pré-temporada da F1, quarta-feira, em Barcelona, a Alfa Romeo possa lançar o modelo C39.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas