Repousar é fundamental após a Maratona Cidade de Salvador

esportes
23.09.2018, 04:00:00
Depois da prova, além do repouso, a hidratação é fundamental. Nutricionista também indica carboidratos (Arisson Marinho/ CORREIO)

Repousar é fundamental após a Maratona Cidade de Salvador

Beber água e comer bem ajudam na recuperação, avisa nutricionista

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Chegou o grande dia. Neste domingo (23), corredores de todo o país irão disputar a Maratona Cidade de Salvador. A primeira largada será às 5h30, no Farol da Barra, e a segunda às 6h. Ao todo, 5 mil atletas vão participar em quatro categorias: 5km, 10km, 21km e 42km.

A competição é o momento em que os atletas vão testar os limites do próprio corpo. Mas, e após a prova, o que é recomendado fazer? Se recuperar bem é extremamente importante para o corredor. 

Repouso, hidratação e alimentação adequada são fundamentais após a prova. “A corrida é um esporte extenuante e gera um estresse hídrico grande, então é muito importante a ingestão de água durante, mas também após para recuperar. Ingerir água após a prova é algo crucial para acelerar o processo de recuperação”, pontua o nutricionista Luan Lisboa.

“Após uma prova é muito comum a pessoa perder peso e basicamente o que ela perde durante uma prova é água, então imediatamente após a prova é crucial ingerir água e manter a hidratação ao longo do dia para garantir a recuperação”, explica o nutricionista, que dá o aval para quem quiser ir num rodízio de massas no almoço de hoje. 

“Alimentos como macarrão, arroz, batata, pão e bebidas esportivas com carboidrato, a exemplo de isotônicos, são indicados, pois vão dar energia e são interessantes para o pós”. Fontes de proteína e digestão fácil, como peixes e ovo, além de frutas e verduras, também ajudam a acelerar o processo de reparo e regulam as transformações que o corpo sofre após o exercício. 

Os atletas amadores que competirem nas provas mais longas, de 21km ou 42km, devem atentar bastante para o descanso. “Quem vai fazer a primeira vez, no outro dia não deve fazer nenhuma atividade que exija corrida. O certo é dar um dia de descanso e deixar para recomeçar na terça ou quarta, com um treino regenerativo”, recomenda o técnico Rafael Peralva.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas