Saiba tudo sobre a estreia de Sente o Som, novo programa de Camila Marinho

entretenimento
04.01.2019, 10:00:00
(Foto: Divulgação)

Saiba tudo sobre a estreia de Sente o Som, novo programa de Camila Marinho

O novo programa da TV Bahia promete mostrar momentos íntimos dos artistas em estúdio

A tão aguardada estreia do programa da jornalista e apresentadora Camila Marinho na grade da TV Bahia já tem data: neste sábado (5), logo após o Mosaico. Sente o Som promete trazer o clima do leve do verão baiano, com spoilers do carnaval e muita música tradicional do estado para às tardes de sábado da afiliada da Globo. A primeira temporada contará com 7 programas no total, com duração de 26 minutos e dois blocos cada. Trazendo sempre artista baianos e seus músicos para uma conversa descontraída sobre suas vidas, projetos, famílias. “As pessoas encontrarão uma Camila mais solta, mais leve. Uma Camila que tem mais a ver com a minha personalidade”, adiantou a apresentadora.

O programa abre com o cantor Saulo, mas já estão confirmados também Luiz Caldas, Márcio Victor, Harmonia do Samba, Bell Marques, Durval Lelys e um convidado ainda surpresa. A diretora do programa, Marcela Amorim, 40, garante que a nova produção não tem o clima jornalístico e muito disso vem da postura adotada por Camila nesta nova fase de sua carreira. 

O programa conta com uma equipe de 18 pessoas e seis câmeras.
O programa conta com uma equipe de 18 pessoas e seis câmeras. (Foto: Divulgação)
O cantor Luiz caldas é um dos convidados da primeira temporada do programa.
O cantor Luiz caldas é um dos convidados da primeira temporada do programa. (Foto: Divulgação)
O novo programa será transmitido sempre aos sábados, após o Mosaico.
O novo programa será transmitido sempre aos sábados, após o Mosaico. (Foto: Divulgação)

“Camila voltou para a TV em grande estilo, achei que ela voltou em um momento quente, de verão e de alegria. Ela é uma pessoa muito querida e consegue levar isso para o estúdio, o que deixa não só os artistas, mas toda a equipe muito a vontade. Deixar as pessoas a vontade é a especialidade dela”, disse a diretora do programa.

A diretora explica ainda que esse momento de descontração tem tudo a ver com o local escolhido para as gravações: "Nós queremos pegar esse momento de estúdio, que é de descontração e que vale tudo inclusive o erro. Eu acho que esse é o forte do programa, porque a ideia é bastante simples: misturar música e entrevistas. Mas não uma entrevista jornalística. É algo mais leve mesmo."

Após 14 anos de jornalismo na TV Bahia, a nova experiência para Camila continua sendo de aprendizado.

“É um aprendizado porque eu saio desse jornalismo sério para o entretenimento. Então eu tiro o gesso do jornalismo, a postura mais séria para ficar mais à vontade e ser mais Camila”, avalia. 


Estrutura

A equipe de 18 pessoas tem trabalhado com um total de seis câmeras para dar ao telespectador diversos ângulos do momento íntimo e despojado entre Camila e o artista. A qualidade do áudio tem sido também tem sido uma preocupação constante e para garantir que chegue em sua melhor forma aos telespectadores, todos os áudios dos programas estão sendo remasterizados em São Paulo. 

Monotonia é algo que não haverá no programa, isso porque a cada novo encontro a produção preparou uma surpresa diferente para o artista, além do momento do improviso. “A gente encomendou algumas bases de música em um estúdio e colocamos para o artista escutar, com uma pesca com palavras-chave, para ele criar ali na hora uma canção. E para nossa surpresa tem saído coisas muito boas desse momento”, revelou Marcela Amorim.Outra preocupação de Sente o Som tem sido dar mais destaque aos músicos que acompanham os artistas. “Normalmente eles ficam ao fundo sem muito destaque e devido às seis câmeras que temos trabalhado, temos conseguido dar tanto destaque quanto ao artista a esses profissionais”, ressaltou Marcela.

Proposta

Camila conta que a proposta de fazer algo na linha do entretenimento surgiu da própria emissora que lhe fez esse convite. “Eu acho que o ponta pé inicial foi justamente as coberturas que eu fazia do carnaval, em que eu deixava um pouco de lado a seriedade do jornalismo diário e incorporava um pouco da irreverência e alegria da festa”. A partir daí ela se reuniu com sua equipe e chegou ao Sente o Som, que segundo ela tem tudo a ver com a Bahia, com o verão e com o Carnaval de Salvador.

E embora o programa ainda não tenha começado de fato, ela já recebe alguns feedbacks na rua por onde passa.

“É engraçado porque antes as pessoas me cobravam uma data de estreia, agora com a propaganda no ar e a movimentação nas redes sociais elas já se mostram ansiosas para o programa e dizem ‘que legal que é um programa sobre música, a Bahia precisava disso’”, relata.

*sob orientação do editor Roberto Midlej

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas