Satélite: Skol investe pesado em eventos de São João na Bahia

satélite
10.06.2017, 05:15:00

Satélite: Skol investe pesado em eventos de São João na Bahia

O São João virou a mais nova aposta da Skol para ampliar sua participação no mercado baiano. Assim como fez no Verão, a cervejaria decidiu direcionar investimentos pesados em patrocínio de grandes eventos juninos no estado. Até ontem, a marca da AmBev já tinha fechado contrato para virar a cerveja oficial das festas de Feira de Santana, Irecê e Santo Antônio de Jesus, uma das cinco cidades nordestinas escolhidas para receber a Vila Skol, principal ação promocional da companhia em junho. A lista inclui ainda forrós famosos no interior, como o do Bosque (Cruz das Almas), do Bongo (Catu), Ticomia e Brega Light (Ibicuí), além da Exposição de Guanambi e dos arraiás do Amado, do Galinho e do Alavontê em Salvador.

Terreno tomado
Ao todo, a Skol terá exclusividade em  mais de 300 eventos juninos no Nordeste. Entre eles, Campina Grande, na Paraíba, Caruaru, em Pernambuco, e outros quatro estados: Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí e Sergipe.

Aspas
"De forma alguma vamos admitir que essa obra seja realizada", Marcelle Moraes, vereadora do PV, sobre a ampliação do aeroporto no Parque das Dunas

Discurso indireto
Articuladores políticos do Thomé de Souza traduziram os movimentos do vereador Maurício Trindade (DEM) como sinal de que ele costura um eventual ingresso na oposição. A avaliação é de que, ao  criticar publicamente o prefeito ACM Neto, o objetivo de Trindade é abrir negociações com o governador Rui Costa (PT).  De acordo com integrantes do núcleo duro da prefeitura, o parlamentar espera apenas uma boa proposta do petista para pular a cerca e seguir o irmão, José Trindade (PSL), líder da bancada oposicionista na Câmara.

Plano de contenção
O acirramento das tensões na base aliada ao Palácio de Ondina levaram Rui Costa a assumir pessoalmente as conversas com caciques dos principais partidos governistas. Sobretudo, PP e PSD.

Fim de jogo
O Tribunal de Contas da União (TCU) manteve a condenação de uma servidora do governo estadual acusada de desviar dinheiro destinado ao pagamento de precatórios quando atuava como diretora adjunta da Justiça do Trabalho em Santo Amaro. Entre 2004 e 2007, Mary da Natividade Novato Leão Costa teria, segundo denúncia do Ministério Público federal (MPF), falsificado documentos e adulterado processos para ocultar a apropriação de pelo menos R$ 170 mil depositados em conta judicial.

Cartão vermelho
A servidora já havia sido condenada pela Justiça Federal, junto ao advogado Fernando José de Oliveira, acusado de participar dos desvios. Além de devolver a quantia e pagar multa, ambos estão proibidos de exercer cargos públicos.

Pílulas
Cerca Lourenço
 O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ) virou centro de peregrinação diária de políticos dedicados a impedir o fechamento de comarcas em cidades onde mantêm base eleitoral. Por causa da pressão, a Corte ainda não conseguiu fechar a conta dos municípios que serão afetados.

E eu?  Estranhamente, a senadora Lídice da Mata (PSB) foi esquecida na terceira pesquisa feita no estado pelo Instituto Paraná, divulgada ontem pela Record Bahia. 

Bolo doido  No páreo do Senado para 2018, em que o ex-ministro Jaques Wagner (PT) lidera, tinha nomes que nunca se colocaram como  candidatos. Entre os quais, a deputada federal Alice Portugal (PCdoB) e o vice-governador João Leão (PP).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas