Seleção masculina de tênis de mesa está fora da Olimpíada

esportes
02.08.2021, 10:07:00
Atualizado: 02.08.2021, 10:08:02
A dupla Gustavo Tsuboi e Vitor Ishiy enfrentou os sul-coreanos Lee Sangsu e Jeoung Youngsik (Time Brasil / Twitter)

Seleção masculina de tênis de mesa está fora da Olimpíada

A equipe brasileira foi eliminada pela Coreia do Sul

A seleção masculina de tênis de mesa do Brasil está eliminada da disputa por equipes dos Jogos Olímpicos de Tóquio, ao perder nesta madrugada deste domingo (2), horário de Brasília (tarde no Japão), para a Coreia do Sul, por 3 a 0, no Ginásio Metropolitano de Tóquio, em jogo válido pelas quartas de final.

No primeiro duelo, a dupla formada por Vitor Ishiy e Gustavo Tsuboi só deu trabalho para Sangsu Lee e Youngsik Jeoung no terceiro set, mas acabou perdendo por 3 a 0, com parciais de 11/6, 11/2 e 12/10, em 30 minutos.

Hugo Calderano veio em seguida e não repetiu as boas atuações em Tóquio, ao perder para Jeoung, também por 3 a 0, com parciais de 11/6, 11/8 e 12/10, em 30 minutos. O coreano se vingou da derrota, por 4 a 3, na chave individual.

Na última disputa, Tsuboi, mesmo com uma lesão no braço esquerdo, lutou bastante e fez o jogo mais equilibrado do dia, com 56 minutos de partida, mas acabou derrotado por 3 sets a 2 para o asiático, com parciais de 11/6, 8/11, 11/4, 8/11 e 11/7.

O tênis de mesa chegou a despertar esperança de medalha brasileira na disputa individual, já que Hugo Calderano fez uma campanha muito sólida até cair nas quartas de final para o alemão Dimitrij Ovtcharov. Gustavo Tsuboi foi eliminado nas oitavas, enquanto Jessica Yamada e Bruna Takahashi caíram durante as fases eliminatórias. Já a equipe feminina foi eliminada por Hong Kong nas oitavas de final.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas