Seleção Natural lança mini-documentário em homenagem à arte de Camaçari

entretenimento
03.06.2021, 20:02:00
Atualizado: 03.06.2021, 20:02:39
(Foto: Juliano Sarraf)

Seleção Natural lança mini-documentário em homenagem à arte de Camaçari

Material está disponível no YouTube e tem pouco mais de 20 minutos de duração

De casa para a casa: natural de Camaçari, a banda Seleção Naturall lançou um mini documentário em homenagem à arte da cidade, maior da Região Metropolitana de Salvador. O projeto está disponível no YouTube, dura pouco mais de 20 minutos e pode ser assistido gratuitamente.

A banda afirma que o trabalho constrói uma narrativa social do impacto da cultura urbana de Camaçari pela ótica e voz de dois artistas urbanos: Ceno e Victor Santos. Com isso, a ideia é falar do fervor cultural que a cidade viveu nos últimos 6 anos.

Idealizador da Seleção Naturall, Samuka afirma que o objetivo do projeto "foi mostrar artistas, até então fora dos holofotes da maior parte da população, que resistem na Cidade Industrial".

As gravações foram bem familiares para Samuka. Isso porque todas as cenas foram realizadas no NaLaje Multiespaço - espaço cultural que também é conhecido como a casa de Samuka. 

A Seleção Naturall, anfitriã, é a encarregada por acompanhar Victor Santos em duas faixas numa das sessions, além de uma instrumental. A banda e Victor cantam o cotidiano de um jovem, negro, ocupante da periferia, que busca sonhar e vivenciar as experiências apesar de todas as mazelas sociais que o cercam. 

“As influências para este trabalho foram de Tony Allen a Anderson .Paak no aspecto musical, mas sem esquecer da brasilidade que a gente adora e suga muito” é o que informa Faustino, outro encarregado de idealizar e formatar o projeto. “Quanto à fotografia, foi um processo longo de pesquisa e criação que já vem de pelo menos uns 4 ou 5 anos de trabalho aqui NaLaje”, lembra Juliano Sarraf, diretor e editor do minidoc.

O trabalho ainda traz imagens do processo criativo dos artistas, desde os primeiros contatos com a canção até os ensaios finais para o registro. Toda a cenografia foi pensada por Samuka Rios, baterista da Seleção Naturall. As gravações foram feitas entre julho de 2020 e abril de 2021 e são complementadas por imagens de arquivo de Juliano Sarraf, que assina a direção e edição do mini doc. Todos os protocolos de segurança foram respeitados e seguidos durante o processo.

Assista ao mini doc logo abaixo

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas