Semop apreende 132 kg de pescado em condições irregulares próximo ao Mercado do Peixe

salvador
19.05.2017, 12:58:00
Atualizado: 19.05.2017, 13:44:58

Semop apreende 132 kg de pescado em condições irregulares próximo ao Mercado do Peixe

A operação ocorreu na manhã desta sexta-feira (19); houve confusão entre guardas e feirantes

Uma operação da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) apreendeu, na manhã desta sexta-feira (19), cerca de 132 kg de pescados em condições irregulares próximo ao Mercado Popular de Água de Meninos, mais conhecido como Mercado do Peixe, na Cidade Baixa. A mercadoria estava sendo vendida embaixo do viaduto que fica na frente do centro comercial. 

Durante a ação, conforme Semop, fiscais do órgão encontraram feirantes comercializando os pescados sem os cuidados higiênicos necessários para a comercialização. Conforme a pasta, alguns vendedores resistiram às apreensões e houve confronto com a Guarda Civil Municipal, que prestava apoio na ação.

Populares informaram que os agentes chegaram a disparar para o alto, assustando os comerciantes. Em nota, a Semop afirmou, ainda, que manifestantes tentaram agredir os fiscais. "A Guarda Municipal não realiza apreensões, notificações ou autuações de ambulantes.

Sobre a realização de disparos de arma de fogo, a Guarda Civil Municipal informa que as declarações estão sendo prestadas na delegacia junto aos agentes da Semop que foram vítimas de agressão", completa a nota. Procurada, a Guarda Municipal informou que vai prestar esclarecimentos sobre o ocorrido nas próximas horas. 

Outra apreensão
Esta não é a primeira apreensão realiza no local. Na sexta-feira (12), a Semop apreendeu 443 Kg de pescados vendidos, também de forma irregular, no Mercado Popular. Em nota, a Prefeitura reiterou que o estabelecimento foi pensado para oferecer qualidade, segurança e higiene aos clientes e consumidores.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas