Sergio Moro divulga lista e fotos dos criminosos mais procurados do Brasil

brasil
30.01.2020, 17:59:31
Atualizado: 30.01.2020, 18:15:14
(Reprodução)

Sergio Moro divulga lista e fotos dos criminosos mais procurados do Brasil

Banco com os nomes foi construído a partir de informações dos estados, além de dados públicos

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Ministério da Justiça e Segurança Pública, pasta do ministro Sergio Moro, divulgou, na tarde desta quinta-feira (30), a Lista de Procurados Nacional, que divulga os criminosos mais procurados do país. 

Publicada no site do ministério, a lista tem 26 nomes, sendo 25 homens e uma mulher. Eles são apontados como lideranças criminosas com atuação nacional e eventualmente internacional.

Entre eles, está Juvenal Laurindo, o “Carcará” ou “Carca”, que é suspeito de ter cometido roubo à maior mineradora de diamantes da América Latina, em Nordestina (BA), entre outros crimes.

(Foto: Reprodução)

O banco com os nomes foi construído a partir de informações dos estados e também dados públicos, fornecidos pelo Banco Nacional de Mandados de Prisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), e teve como foco criminosos condenados por agirem em mais de um estado.

A análise seguiu 11 critérios, entre os quais estão a atuação interestadual e transnacional, rede de relacionamento, posição de liderança em organização criminosa violenta, capacidade financeira e outros. 

Segundo o Ministério da Justiça, a Lista possui caráter estratégico para o enfrentamento às organizações criminosas do país.

Além de fotos, nomes e apelidos dos criminosos, a lista conta ainda com números de RG e CPF, área de atuação criminosa, crimes que cometeu ou que é suspeito de cometer e número e link de acesso para o mandado de prisão.

Atualização da lista 

O Ministério afirmou que a lista dos procurados foi elaborada pela Coordenação-Geral de Combate ao Crime Organizado da Diretoria de Operações da Secretaria de Operações Integradas – Seopi/MJSP.

A lista será atualizada mensalmente pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública. A população também pode fazer denúncias e fornecer informações por meio dos números do Disque-Denúncia das Secretarias de Segurança Pública dos Estados-membros. 

Holofotes em Moro

A publicação da lista acontece na mesma semana em que o nome de Sergio Moro voltou a estar em evidência. Na última segunda-feira (27), o ministro deu entrevista ao Programa Pânico, da rádio Jovem Pan e afirmou que não há motivo para sair do governo o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A fala de Moro se deu após o próprio Bolsonaro tentar apaziguar apoiadores do governo e o ambiente político em Brasília, que repercutiam a possibilidade de desmembramento da pasta de Moro. A ideia era deixar a Justiça com o ex-juiz da Lava Jato e recriar o Ministério da Segurança Pública. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas