Sexo oral ajuda a espalhar superbactéria da gonorreia, alerta OMS

saúde
07.07.2017, 11:18:00
Atualizado: 07.07.2017, 11:24:48

Sexo oral ajuda a espalhar superbactéria da gonorreia, alerta OMS

Em apenas 15 anos, a comunidade médica já foi obrigada a mudar de tratamento três vezes diante da ineficiência dos produtos e da resistência desenvolvida pelo organismo causador da doença

A queda no uso de preservativos, incluindo na prática de sexo oral, está ajudando a disseminar uma superbactéria da gonorreia e a torná-la cada vez mais difícil de tratar. Em algumas situações, a cura foi considerada "impossível" em pacientes na Europa e no Japão.

O alerta está sendo lançado nesta sexta-feira (7/7) pela Organização Mundial da Saúde (OMS), depois de constatar que a infecção sexualmente transmissível - responsável pela infertilidade - está rapidamente desenvolvendo uma forte resistência aos antibióticos.

Se não bastasse, a indústria farmacêutica investiu pouco nos últimos anos no combate a essa doença e, portanto, os novos remédios que chegam ao mercado são escassos. Para um dos produtos tradicionalmente usados, o ciproflaxacin, a resistência foi registrada em 97% dos países avaliados pela OMS. Hoje, apenas um remédio é considerado como eficiente, o ESC. 

De acordo com a OMS, cerca de 78 milhões de pessoas são contaminadas a cada ano pela doença. Em um levantamento realizado em 77 países, a entidade constatou que a resistência é "generalizada".

Em pelo menos três casos, a OMS alerta que a gonorreia não teve cura. Dois deles foram registrados na Europa - na Espanha e na França - e outro no Japão. 

"Trata-se de uma bactéria muito inteligente e, cada vez que um novo antibiótico é introduzido, ela se torna mais resistente", disse Teodora Wi, responsável da agência da ONU para Saúde. 

Em apenas 15 anos, a comunidade médica já foi obrigada a mudar de tratamento três vezes diante da ineficiência dos produtos e da resistência desenvolvida. Hoje, a agência de saúde considera que o cenário é "muito preocupante".

O que mais deixa a OMS em estado de alerta é o fato de que a maioria das infecções está sendo registrada em países pobres, onde os estudos sobre a resistência são mais escassos e o monitoramento, frágil. "O que sabemos pode ser apenas a ponta do iceberg", alertou Wi.

Se a infecção pode afetar as partes genitais e até aumentar o risco de HIV, é o impacto na garganta que mais preocupa no que se refere à capacidade da doença em sofrer uma mutação. A resistência aos remédios seria ainda maior por causa da mistura que a bactéria identificaria com o tratamento contra uma infecção regular da garganta.

Preservativos

Causada pela bactéria Neisseria gonorrhoea, a doença ainda teria se espalhado com maior facilidade diante da queda no uso de preservativos. O fato de seus sintomas serem pouco conhecidos para uma parte importante da população também estaria levando a doença a se desenvolver sem um tratamento adequado. 

Diante dos riscos, a OMS está apelando para que governos passem a monitorar a proliferação da resistência da doença e que invistam em novos remédios. Mas, para a entidade, apenas o desenvolvimento de uma vacina poderia frear de forma definitiva a proliferação.




Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/verdadeiro-ou-falso-videos-deepfake-estao-cada-vez-mais-reais/
Manipulação de imagem com uso de inteligência artificial diverte, mas acende alerta para disseminação de notícias falsas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/taylor-swift-lanca-o-lover-o-setimo-album-de-sua-carreira/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/banda-paulista-o-terno-apresenta-novo-album-no-tca-nesta-sexta-23/
Disco <atrás/além> é o quarto da carreira do trio liderado por Tim Bernardes
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rita-beneditto-apresenta-tecnomacumba-no-ic-encontro-de-artes/
Show acontece no Goethe-Institut nesta sexta (23), às 20h
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/suspeito-de-golpe-milionario-tem-prisao-preventiva-decretada-na-bahia/
Homem mentiu para a família e disse que ficou rico após ganhar na Mega-Sena
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/skatista-de-11-anos-pode-representar-o-brasil-na-olimpiada/
Rayssa Leal estará em Lauro de Freitas neste fim de semana para disputar Circuito Brasileiro de Skate
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/gilberto-gil-e-carlinhos-brown-agitam-a-semana-do-clima/
Artistas defenderam o meio ambiente e a luta pela preservação da natureza
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/apos-colocar-fogo-em-onibus-homem-se-esfaqueia-em-copacabana/
Vídeo mostra veículo tomado por fumaça; suspeito tem passagem por homicídio
Ler Mais