Só 28% dos hipertensos, diabéticos e pessoas com doença falciforme buscaram vacinação

coronavírus
12.05.2021, 14:32:00
Atualizado: 12.05.2021, 14:36:11
(Jefferson Peixoto/Secom PMS)

Só 28% dos hipertensos, diabéticos e pessoas com doença falciforme buscaram vacinação

Secretaria de Saúde de Salvador faz apelo para que pessoas desse público se imunizem

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) fez um alerta nesta quarta-feira (12) para que pessoas com diabetes, hipertensão e doença falciforme busquem os postos para tomarem a vacina contra covid-19. Até agora, dos 136 mil cadastrados com essas condições, só 38 mil foram receber a primeira dose, aponta balanço da SMS. Isso representa 27,94% desse público alvo.

Para facilitar o atendimento, os portadores de doenças crônicas atendidos nos serviços estaduais de saúde em Salvador já estão cadastrados para a vacinação. O público foi incluído automaticamente no cadastro após o envio da lista dos pacientes atendidos nas unidades estaduais, a exemplo do Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba) e do Centro Estadual Especializado em Diagnóstico, Assistência e Pesquisa (Cedap).

É possível consultar se seu nome está na lista no site da SMS. Em caso positivo, a pessoa pode procurar diretamente um dos pontos de imunização, das 8h às 16h, destinados para as pessoas com alguma dessas doenças. No momento da vacinação, as pessoas com comorbidades de 35 anos ou mais deverão apresentar documento oficial de identificação com foto.

No caso das pessoas com doença falciforme, no ponto de vacinação, deve ser apresentado também um dos seguintes comprovantes: cópia de um relatório médico com o número da Classificação Estatística Internacional de Doenças (CID D57) para falciforme com qualquer data de emissão; ou cópia do exame de diagnóstico para a doença (Eletroforese de Hemoglobina); ou, ainda, cópia da carteira de identificação dos serviços especializados que atendem a doença em Salvador.

"Criamos novas e pioneiras estratégias de imunização que visam facilitar a vacinação de pessoas com essas comorbidades, pensando nas dificuldades que enfrentam. Então, pedimos a fundamental colaboração dessas pessoas para que compareçam com urgência a um dos postos e garantam suas vacinas”, diz o secretário Leo Prates.

Pontos para tomar a vacina
Os pontos de vacinação drive-thru estão situados no Shopping da Bahia; Vila Militar – Dendezeiros; Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências (FBDC) – Unidade Cabula, Universidade Católica do Salvador – Campus Pituaçu, Universidade Federal da Bahia – Campus Ondina, Centro de Convenções de Salvador – Boca do Rio e Arena Fonte Nova – Nazaré.

Os pontos fixos são a USF Curralinho, USF Santa Luzia, USF Federação, USF Fernando Filgueiras – Cabula VI, USF Cajazeiras X, USF Itapuã, USF Teotônio Vilela II, Universidade Católica do Salvador – Campus Pituaçu e USF Vale do Matatu.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas