Streaming novo no mercado se dedica exclusivamente ao cinema nacional

entretenimento
13.05.2021, 05:50:00
Atualizado: 13.05.2021, 12:43:25
O documentário Martírio, de Vincent Carelli, está no catálogo (Foto: divulgação)

Streaming novo no mercado se dedica exclusivamente ao cinema nacional

Plataforma Embaúba Play vai alugar filmes brasileiros por R$ 8; lançamento acontece nesta sexta-feira (14)

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Será lançado nesta sexta-feira (14) o Embaúba Play, um streaming dedicado exclusivamente ao cinema brasileiro. Mas, ao contrário da maioria dos serviços similares, não será necessário pagar uma mensalidade: cada longa será alugado por US$ 1,50 (cerca de R$ 8) e há um prazo de 72 horas para ser assistido. Os curtas custam US$ 1 (R$ 5,20).  Além disso, haverá conteúdos gratuitos. 

"As pessoas que se interessam por cinema reconhecerão, na Embaúba Play, um porto seguro para encontrar bons títulos, que fujam do óbvio. E os usuários vão se dispor a pagar pelos conteúdos, por saberem que desta forma vão estar contribuindo de forma direta com os filmes - que ficam com 60% dos recursos arrecadados - e com a manutenção da própria plataforma", diz Daniel Queiroz, curador da plataforma. 

No catálogo inicial, estão filmes de diretores como André Novais Oliveira, Felipe Bragança, Gabriel Mascaro, Helena Ignez, Juliana Rojas, Kleber Mendonça Filho, Marco Dutra e Sandra Kogut. Há também curtas de Ana Carolina Soares, Fábio Leal, Karen Akerman e Thais Fuginaga. 

Queiroz, que tem experiência como programador e curador, acompanha o cinema brasileiro por mais de duas décadas. Ele explica que “mais do que a escolha de filmes pontuais, foi feita uma seleção de cineastas, com filmografias relevantes construídas, em boa medida, nos últimos 10, 15 anos. Destes cineastas, convidamos vários títulos para compor a plataforma, incluindo curtas e médias metragens, com a preocupação de tornar disponíveis não apenas seus filmes mais conhecidos, mas também suas obras mais antigas e que tiveram menor circulação”. 

Para o seu lançamento, o Embaúba Play disponibilizará uma mostra gratuita e inédita de filmes brasileiros, com um mês de duração. As produções contemporâneas foram divididas em quatro programas: Também Somos Rascunhos, com obras biográficas; A Fluidez da Forma no Cinema Indígena, Orgia ou O Cinema que Deu Cria, com filmes que flertam com o cinema de invenção, e Testemunhar, Fabular, Existir - Modulações de um Quilombo Cinema Brasileiro Contemporâneo, com curtas-metragens recentes de realizadores negros. 

Entre os títulos de destaque, estão Ela Volta na Quinta, de André Novais Oliveira, e Martírio, de Vincent Carelli. O primeiro conta a história de uma grave crise no relacionamento de um casal de idosos e que afeta a rotina dos filhos, dois rapazes que se preparavam para finalmente saírem de casa. Já o documentário Martírio investiga a origem do genocídio dos Guarani Kaiowá. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas