Superliga: após viradas e tie-break emocionante, Minas bate Cruzeiro

esportes
01.05.2022, 19:04:00
Leandro Vissotto festeja vitória do Minas contra o Cruzeiro na Superliga (Eliezer Esporter / MTC)

Superliga: após viradas e tie-break emocionante, Minas bate Cruzeiro

Resultado deixa a final empatada e haverá necessidade do terceiro e decisivo jogo

Disparados os dois melhores times da Superliga de Vôlei, Minas Tênis Clube e Sada Cruzeiro fizeram mais um jogo de muita emoção na segunda parte da final neste domingo (1º). O público no Ginásio do Sabiazinho, em Uberlândia, presenciou mais um duelo com muita emoção a cada ponto, que terminou com vitória do Minas no tie-break, 3 a 2.

O resultado deixa a disputa igualada e haverá a necessidade do terceiro e decisivo jogo no próximo domingo, às 10h. Os times se enfrentarão mais uma vez no Ginásio do Sabiazinho. Quem vencer, ficará com a taça.

O Minas é o maior vencedor da Superliga, mas não fica com o título desde 2006/2007. Já o Cruzeiro faturou o torneio pela última vez em 2017/2018. O time cruzeirense está em busca do seu sétimo título na competição. O time celeste também busca um feito inédito, conquistar o quinto título da temporada depois de vencer o Campeonato Mineiro, a Supercopa, a Copa Brasil e o Sul-Americano.

Após um primeiro jogo de viradas no ginásio Divino Braga, em Betim (MG), que terminou com vitória do Cruzeiro por 3 a 2, as cenas de reação voltaram a se repetir neste domingo. O Cruzeiro saiu na frente, vencendo um disputado primeiro set. O time visitante chegou a abrir 23 a 22 no set seguinte, mas o Minas reagiu e igualou o jogo, fechando com 25 a 22. A situação final dos pontos no terceiro set foi exatamente a mesma e o Minas abriu 2 a 1.

Após a virada, o Cruzeiro foi fulminante no quarto set e liderou durante os 25 pontos, fechando com 25 a 21 para levar o jogo para o quinto e último set. Os dois times disputaram o tie-break ponto a ponto para definir se o Cruzeiro levava o título antecipado ou se o Minas forçaria um terceiro jogo.

Após chegarem empatados por 6/6, o Minas cometeu uma sequência de erros e o Cruzeiro aproveitou para abrir vantagem de quatro pontos. Mas o Minas não se entregou, conseguiu encostar nos últimos pontos e tornou o tie-break dramático, empatando 13 a 13 No ponto seguinte, forçou o erro do Cruzeiro e virou a partida. O Minas abriu dois match points e venceu o último set por 18 a 16.

Muito emocionado pela vitória de virada, Leandro Visotto exaltou o Minas após a partida. "Emocionante.Quero agradecer minha família, meus companheiros que me apoiaram sempre. O Minas é um clube formador que há anos está trabalhando o esporte nacional. Somos merecedores de viver este momento. A gente não ganhou nada, mas está aberto", disse Vissotto ao Sportv.

Do outro lado, Wallace cobrou o Cruzeiro pelos erros, principalmente nos contra-ataques, e disse que o time pode render mais. "A gente não aproveitou esses contra-ataques que tivemos. O time não está tão 100% ainda, não jogamos o que a gente pode jogar. Parabéns ao Minas. Agora está tudo em aberto e vamos para a terceira partida em busca do título", afirmou Wallace.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas