Taxa de juros cai para 8,5%, e poupança vai ter rendimento menor

economia
31.05.2012, 07:30:00
Atualizado: 31.05.2012, 07:48:17

Taxa de juros cai para 8,5%, e poupança vai ter rendimento menor

Com a taxa básica de juros a 8,5%, o novo rendimento anual passa a ter uma nova fórmula: 70% da Selic (5,95%) mais variação da TR

Victor Longo
victor.longo@redebahia.com.br

Como esperado pelo mercado, o Banco Central anunciou na noite desta quarta-feira (30) um novo corte de 0,5% na Selic, levando a taxa básica de juros da economia brasileira a 8,5% ao ano, o valor mais baixo da série histórica divulgada desde 1986. Com a Selic nesse patamar, a aplicação financeira mais popular do país, a caderneta de poupança, passa a ter um rendimento menor.

Até quarta (30), a remuneração da poupança era de 6,17% ao ano mais variação da Taxa Referencial (TR). Com a taxa básica de juros a 8,5%, o novo rendimento anual passa a ter uma nova fórmula: 70% da Selic (5,95%) mais variação da TR - índice calculado a partir da média de rendimento dos CDBs, em 0,2% em abril.

Desde a sua criação, em 1861, é a primeira vez que a poupança passará a render menos que 6% ao ano. A regra só vale para depósitos feitos a partir do dia 4 de maio, data em que o governo anunciou a nova fórmula de rendimento para a poupança.

Tradicionalmente uma aplicação de renda fixa, a poupança passou a ter renda variável toda vez que a taxa Selic atingir 8,5% ao ano ou menos, de acordo com a nova regra. Com a medida provisória, o governo busca impedir que a poupança fique mais atraente que outras aplicações financeiras, já que sempre que os juros da economia caem, os investimentos anexados à Selic rendem menos. Assim, o governo espera evitar que compradores da dívida pública retirem dinheiro dos títulos do governo e o coloquem na poupança.

Apesar do rendimento menor, a poupança continua valendo a pena para o pequeno investidor, de acordo com o vice-presidente da Associação Nacional de Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel Ribeiro de Oliveira. “Mesmo com a queda na rentabilidade, a poupança vai continuar valendo mais a pena em comparação com os fundos de investimento, por exemplo, pois taxas de administração e descontos no Imposto de Renda incidem sobre as aplicações desses fundos”, explica.

O cientista social Rogério Franco, 26, tem um dinheiro guardado na poupança e não pretende tirá-lo mesmo com as mudanças. “Mantenho o dinheiro lá por uma questão de segurança. Posso tirar e colocar na hora que quiser”, diz.

O professor de Economia da Trevisan Escola de Negócios, Alcides Leite, também acredita que a poupança continua valendo a pena, pois, segundo ele, não é um tipo de aplicação que visa ao grande lucro. “A poupança serve para evitar que o dinheiro que você tem guardado perca o valor com a corrosão inflacionária. Ela continuará garantindo isso”.

Diferença
Com o novo rendimento da poupança, a diferença dos ganhos ao final de um ano em depósitos pequenos é pouco significativa. Por exemplo: uma pessoa que depositou R$ 100 na poupança no dia 3 de maio deste ano, um dia antes da nova regra entrar em vigor, terá R$ 106,37 no dia 3 de maio de 2013. Se uma outra pessoa depositar a mesma quantia hoje, terá R$ 106,15 daqui a um ano, caso a taxa Selic permaneça como está, em 8,5%. A diferença nos ganhos será de apenas R$ 0,22.

No entanto, essa diferença aumenta conforme a taxa de juros básicas baixe e quanto maior for o valor depositado (confira tabela na página 24). E a tendência da economia, segundo especialistas, é que haja novos cortes na taxa Selic. “Essa é a expectativa do mercado. A Selic a 8,5% ainda está alta. Dá para cair ainda mais”. A taxa Selic serve como base para os juros praticados em toda a economia e é anunciada pelo Conselho de Política Monetária (Copom), do Banco Central, a cada 45 dias.

Crédito tende a ficar mais barato
Especialistas consultados pelo CORREIO comemoraram a nova redução dos juros. “Essa queda de meio ponto na Selic (de 9% para 8,5% ao ano) já era esperada pelo mercado e é muito positiva. Os rendimentos vão cair, mas vai ser bom para a economia como um todo”, analisa o vice-presidente da Anefac, Miguel Ribeiro de Oliveira.

A opinião é compartilhada pelo professor de Economia da Trevisan Alcides Leite. “Começamos a ter níveis históricos de juros baixos, o que é muito bom. Agora, o Brasil está se tornando um país normal sob o aspecto dos juros. Os 8,5% ao ano ainda são altos, mas é o início de um processo”, considera.

Os dois especialistas acreditam que os juros continuarão caindo, o que levará a novas quedas das taxas de juros praticadas pelos bancos. “Com isso, a expectativa é que as operações de crédito, como os empréstimos e financiamentos, comecem a ficar mais baratos nos próximos meses”, espera Leite. Oliveira, da Anefac, acredita que o novo corte da Selic levará à diminuição do preço de financiamentos de veículos e da casa própria, por exemplo, beneficiando os consumidores. 


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/lazzo-matumbi-faz-reverencia-a-irma-dulce-em-musica-ouca/
Cantor homenageou a mulher que, em outubro, se tornará Santa Dulce dos Pobres
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/luiz-caldas-grava-musica-para-primeira-santa-do-brasil-ouca/
Cantor homenageou Irmã Dulce; Ela será canonizada em outubro
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/margareth-empresta-vozeirao-para-reverenciar-irma-dulce-ouca/
Cantora e outros artistas fizeram uma homenagem para a primeira santa do Brasil
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/saulo-grava-musica-em-homenagem-a-irma-dulce-ouca/
Cantor se juntou a outros artistas para reverenciar a primeira santa do Brasil
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/ivete-saulo-e-margareth-50-artistas-gravam-musica-para-irma-dulce/
A Bahia canta para Irmã Dulce, futura Santa Dulce dos Pobres; ouça
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cristiano-ronaldo-vira-meme-ao-protagonizar-comercial-asiatico/
Astro português aparece dançando e é ignorado por torcida na propaganda de TV
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jota-quest-apresenta-turne-acustica-nesse-domingo-18-na-concha/
Show será a despedida do Saideira Acústico Tour em solo soteropolitano
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/ivan-da-ponte-descobre-em-aviao-que-foi-convocado-veja-video/
Goleiro foi avisado que estava na lista de Tite para a Seleção pelo piloto: 'Não dá nem para acreditar'
Ler Mais