'Tente me esquecer', diz ex-jogadora Ana Paula após ser criticada por Casagrande

em alta
22.02.2021, 16:14:00
Atualizado: 22.02.2021, 18:42:25
(Reprodução)

'Tente me esquecer', diz ex-jogadora Ana Paula após ser criticada por Casagrande

Comentarista disse que ex-atleta é "defensora dos antidemocráticos"

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A ex-jogadora de vôlei Ana Paula Henkel, apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), atacou o comentarista Walter Casagrande Jr no Twitter, afirmando que ele deveria olhar "para sua vida e para um espelho" e esquecê-la.

A mensagem foi postada depois que Casgrande publicou um texto em seu blog afirmando que considera Ana Paula uma "defensora dos violentos, dos antidemocráticos, das armas e de tudo que é ruim em nossa sociedade". Intitulada "Do Esporte para os esportistas", a carta pede desculpas "por ter posto no meio de vocês, e por muito tempo, uma pessoa intragável, prepotente, arrogante, defensora de armas, que se disfarçou de jogadora de vôlei".

"Prezado Casagrande, olhe para a sua vida e para um espelho. Eu sou o menor dos seus problemas, acredite. Tente me esquecer", escreveu Ana Paula no Twitter. "Arrume o seu quarto primeiro, que há muitos anos está uma verdadeira bagunça, antes de querer 'consertar' o mundo", concluiu.

Nos Donos da Bola, o apresentador Neto defendeu Casagrande. ""Agora, você falar do Casagrande... Quem é você para falar do Casagrande? (...) Quem que tem moral pra falar dele? Por causa de política. Vocês não sabem quem é o Casagrande", afirmou. "Hoje tá limpo e hoje é exemplo pros nossos filhos. Quem aí tem moral para falar dele? Quem é você para falar do Casagrande?".

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas