Transalvador passa a realizar blitz da Lei Seca durante todo o dia

salvador
11.11.2019, 11:55:00
Atualizado: 11.11.2019, 21:48:47
Blitze durante todo o dia (Foto: Evandro Veiga/Arquivo CORREIO)

Transalvador passa a realizar blitz da Lei Seca durante todo o dia

Intervenções já acontecem todas as noites na cidade e serão ampliadas

As blitze de Lei Seca não serão mais exclusividade das noites soteropolitanas. Segundo a Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador), a fiscalização também vai ocorrer em pontos estratégicos da cidade durante todo o dia. O objetivo é garantir um trânsito ainda mais seguro para todos na capital baiana.

“Temos percebido que as presenças das nossas equipes nas ruas, combatendo abusos no trânsito, têm ajudado a reduzir a quantidade de acidentes na cidade. Por isso, a nossa decisão de ampliar o combate a uma prática tão nociva, que é a combinação do álcool com direção”, afirma Fabrizzio Müller, superintendente da Transalvador. As blitze de Lei Seca já aconteciam todas as noites na cidade, antes da ampliação.

Além de coibir o uso de álcool ao volante, os agentes da Transalvador também estarão atentos a outra norma de segurança: o uso do cinto de segurança, inclusive no banco traseiro. Segundo o órgão, apesar de ser de uso obrigatório desde 1997, com o atual Código de Trânsito, o uso do equipamento ainda é negligenciado pelos passageiros, especialmente os que utilizam o banco de trás do veículo.

Dentre janeiro e outubro deste ano, 4.946 pessoas foram autuadadas durantes as blitze da Lei Seca em Salvador. O aumento é 21% quando comparado ao mesmo período do ano passado, quando foram autuadas 4074 pessoas após serem flagradas dirigindo após o consumo de álcool. Em 2018 todo foram 4.732. De acordo com informações da Transalvador, este ano foram abordadas 53.576 pessoas, enquanto que no mesmo período do ano passado foram 41.615.

De acordo com o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, esse crescimento não significa que as pessoas estão bebendo mais, mas reflete a ampliação nas abordagens. "Executamos blitz da Lei Seca diariamente, por ser uma ferramente de controlete de um maior número de acidentes de maior gravidade. Já fazemos operaçãoes durante o dia, mas não costumávamos usar o etilômetro, mas agora vamos usar. Mas essas operações vão ocorrer em pontos estratégicos, como a saída da praia, de uma forma que evite congestionamentos", explica.
 

Operação 
Desde 2013, as blitze da Lei Seca promovidas pela autarquia municipal passaram a ser diárias, buscando reduzir o número de acidentes causados pela mistura de álcool e direção. Entre 2013 e 2018, 219.240 condutores passaram pelas operações.

Desse total, cerca de 12% dos abordados (27.305) foram autuados por dirigir sob efeito de bebida alcoólica ou por ter se recusado a passar pelo teste no etilômetro. Nesse mesmo período, a superintendência registrou uma redução de 53,8% no número de vítimas fatais em acidentes na capital baiana.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/harmonia-recebe-ludmilla-e-ferrugem-em-gravacao-de-dvd-no-wetn-wild/
Gravação acontece na estreia d'A Melhor Segunda Feira do Mundo, no dia 6 de janeiro
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-juice-wrld-morre-aos-21-anos-nos-estados-unidos/
Ele sofreu convulsão no aeroporto; artistas lamentam
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/fotografa-faz-ensaios-para-negros-a-preco-acessivel-no-reconcavo/
Ellen Katarine também é trancista, dreadmaker e estudante de História na UFRB
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/thiaguinho-chora-ao-cantar-musica-que-escreveu-para-fernanda-souza-veja/
Cantor começou a se emocionar durante a canção 'Deixa Tudo Como Está'
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/dancarino-morre-e-outras-duas-pessoas-ficam-feridas-em-ataque-de-faccao/
Três homens e uma mulher em um carro atiraram contra moradores em São João do Cabrito
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jovem-se-finge-de-gato-e-mia-embaixo-da-cama-para-nao-ser-achado-por-policiais/
Ele é suspeito de ter participado de um latrocínio em Fortaleza
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/do-cordel-a-escultura-leitores-fazem-homenagens-para-correio/